A jovem Ana Beatriz Dantas dos Santos, de 13 anos está desaparecida desde o dia 24 de janeiro. A irmã de Ana Beatriz, Debora, informou ao blog que viu a sua irmã sair de casa, ainda tentou impedi-la, mas a adolescente falou que precisava ir, senão seria morta.
No domingo pela manhã a família da jovem conseguiu falar com ela, a adolescente pediu socorro e disse que estava com medo, quando ia revelar onde estava, a ligação caiu.
Ana Beatriz mora no Canutos e Filhos, tem um namorado que também está desaparecido. Outros dois adolescentes também desapareceram junto com Ana Beatriz e seu namorado.
A família está desesperada. Quem tiver informações do paradeiro da adolescente pode entrar em contato pelo telefone (84)  98744557.
Via Jair Sampaio.

. LK MULTIMARCAS CAICÓ.

15 H 01 MIN. LK MULTIMARCAS CAICÓ.



LK Multimarcas, você bem vestido da cabeça aos pés!
Do tênis ao boné, a LK Multimarcas tem de tudo para deixar você bem vestido. São peças de marcas renomadas, com preços acessíveis e qualidade sem igual.
Bermudas
Camisetas
Bonés
Tênis
Sapatenis
Cintos
Procure Leilson Pereira na loja Edilsom Caicó ou mesmo, fale com ele através do WhatsApp (9927-8030).

Adolescente que esfaqueou mulher na zona oeste de Caicó se apresentou à Polícia Civil


O adolescente de quinze anos suspeito de assassinar Maria da Conceição dos Santos, de 36 anos, na zona oeste de Caicó, se apresentou à Polícia Civil na noite de hoje (26). Um dos irmãos do adolescente ligou para a delegacia municipal, informando que ele se apresentaria espontaneamente.
O crime ocorreu no bairro João Paulo II, no final da manhã, após uma discussão, que levou Maria da Conceição a despejar o adolescente de uma residência pertencente a ela. Em depoimento, o jovem disse que se sentiu incomodado com a ameaça de despejo e atingiu a proprietária do imóvel alugado por ele com várias cutiladas na região torácica.  A delegada pediu o internamento do adolescente no Ceduc, mas aguarda decisão judicial para esta terça-feira (27).

Falta de estrutura na Saúde de Caicó continua tirando a vida de seres humanos



Hospital do Seridó: Referência em Obstetrícia ?
Hospital do Seridó: Referência em Obstetrícia ?
A gestante Josana Varela Pessoa, de 36 anos de idade foi apenas mais uma vítima da falta da estrutura de Saúde de Caicó. Ela pagou com a sua vida pela negligência dos governos de não dotar os hospitais da cidade, principalmente o Hospital do Seridó, única referência em obstetrícia da cidade, de condições para o atendimento de partos de alto risco, como no caso da paciente que faleceu.
Josana deu entrada na urgência do Hospital Regional do Seridó nesta noite de segunda-feira (26), a princípio com suspeitas de parada cardiorrespiratória. Foi atendida pelo médico de plantão, Dr. Gabriel Medeiros que vendo a gravidade do problema e por não ter a estrutura necessária e a Unidade não ser referência em atendimento solicitou que um enfermeiro ligasse imediatamente para o Hospital do Seridó solicitando receber a paciente, mas sem sucesso. Dr. Gabriel conversou com o Blog do Marcos Dantas sobre o assunto:
Hospital Regional: Referência em urgência?
Hospital Regional: Referência em urgência?
Como se deu a morte da mãe e da criança?Gabriel – A morte dela provavelmente foi ocasionada devido ao quadro de hipertensão gestacional, já que ela vinha sendo acompanhada em um pré-natal de alto risco e essas paciente geralmente evoluem para um quadro de eclampsia, que é bem grave e que as vezes não tem como ser revertido. No momento que a paciente chegou aqui, a gente não teve nem como dar esse diagnóstico de eclampsia. Ela já estava em parada cardíaca, vinha agonizando e nós iniciamos os procedimentos para tentar ressuscitar a paciente, fizemos um contato com Hospital do Seridó afim de que a paciente fosse levada pra lá, mesmo estando numa condição não muito onde a gente não poderia afirmar se ela iria sobreviver ou não, já que estava em quase 10 minutos de parada e ela não apresentava nenhuma resposta. Mas a intenção da gente era que a paciente fosse pra lá na tentativa de se fazer uma cesária de urgência e pelo menos ver se a criança teria viabilidade ou não. O contato que foi feito pelo enfermeiro foi recebida a resposta de que lá não tinha estrutura e podia mandar para Natal. Mas a paciente não tinha condições de ser mandada para Natal, pois estava em parada. Então nós continuamos o procedimento e foi tentado um outro contato com o Hospital do Seridó, pedimos pra que fosse feita a cesária aqui no Gospital Regional, mas foi negado também ao dizerem que não teria como. Então continuamos a massagem cardíaca pelo período de 340 minutos que é indicado, como não houve resposta da paciente, paramos as manobras. Fizemos o contato com o cirurgião de sobreaviso, Dr. Nilson Dias, ele veio para o Hospital. Quando chegou no Hospital, eu também não sabia, o obstetra já estava aqui tentado fazer a cesária e ver se conseguia algum êxito com relação a criança, porque a mãe já estava sem vida. O que ocasionou provavelmente foi essa crise de eclampsia, que gerou um dano muito grande ao coração, e a paciente evoluiu para parada cardíaca.
A criança sobreviveu?Não. Dr. Francimar veio fazer o procedimento e a criança já estava morta. É bom esclarecer que às vezes as pessoas não entendem, que o fato da paciente ter vindo para o Hospital Regional, se eu me referi a algum familiar e ele interpretou que o Hospital não tinha estrutura, a estrutura a que eu me referi foi obstétrica. De você ter como escutar uma barriga, ver se o feto tem batimento ou não, e outros procedimentos obstétricos. A gente fez o que um hospital geral faz, mas a paciente deveria ter ido para o Hospital com referencia em obstetrícia. A falta de estrutura que eu me referi foi essa, e não que o Hospital Regional não tem estrutura para atender um paciente com parada cardíaca. Apesar de todas as dificuldades o Hospital Regional de Caicó tem feito um trabalho bem diferente do que vinha sendo feito anteriormente. A UTI hoje funciona, tem um serviço de cirurgia que também funciona, serviço de ortopedia que funciona, a urgência aos trancos e barrancos a gente vai fazendo o que pode. Se existe referencia em obstetrícia em Caicó, é o Hospital do Seridó. Gestantes devem ser encaminhadas para o Hospital do Seridó, porque o obstetra é quem trata de gestante, o clinico-geral pode tratar na falta de um obstetra, mas existindo o profissional o ideal é que a gestante seja tratada por um obstetra.
Porque você acha que houve essa negativa do Hospital do Seridó?Sinceramente eu não sei. Não conheço a estrutura do Hospital do Seridó. Não sei o que tem e o que não tem. Não sei por que houve a negativa. O procedimento que deveria ser tomado era ligar para o Hospital do Seridó que teoricamente é o hospital referencia em obstetrícia de Caicó. Mas que a gente sabe que essa referência não vem sendo a melhor possível.
Diante dessa negativa do Hospital do Seridó, e a demora na chegada do obstetra, o senhor pensou em abrir a paciente?Eu pensei, porque eu estava diante de um quadro que eu, como médico já tinha passado, mas viabilidade da criança, já de nove meses eu fiquei com vontade de abrir a barriga, mas a gente tem sempre que usar pela prudência e não querer causar estardalhaço, nem factoides sobre uma coisa que você ia gerar mais sofrimento para a Família. Isso aí era uma coisa que a gente bate o desespero na tentativa de salvar uma vida. Quero deixar claro que as negativas do Hospital do Seridó, a gente não pode afirmar que se elas tivessem acontecido do contrário a criança estaria viva. Eu não estou dizendo que o fato da instituição não ter recebido a paciente foi determinante para a morte da criança, mas eu fiz e farei todas as vezes que precisar, pelo fato de que a gente tem que ir até onde a gente pode.
Via Marcos Dantas

00 H 01 MIN. OPORTUNIDADE DA SEMANA!!

OPORTUNIDADE DA SEMANA! !
  CASA EM CONDOMÍNIO FEÇHADO, COM A MELHOR LOCALIZAÇÃO DE CAICÓ,  BAIRRO MAYNARD, SEGURANÇA E PRIVACIDADE.

DESCRIÇĀO DO IMOVEL
-VAGA DE GARAGEM
-ÁREA
-SALA DE ESTAR
-COZINHA
-2 DORMITORIOS SENDO 1 SUITE
-ÁREA DE SERVIÇO
-QUINTA
VALOR RS 115.000.00
#ACEITAMOSFINANCIAMENTO
CENTRAL DE VENDAS
(84) 9905-0393/ 9157-4343
FRANCINALDO MEDEIROS
CORRETOR DE IMÓVEIS
CRECI 5347/RN