Ministério Público do RN requer homens do Bope para sua segurança, com ônus para o Governo do Estado

20:09:00


Além do pedido para que alguns dos mais capacitados homens da segurança pública saiam das ruas para o MP, o órgão ainda requer que o ônus do pagamento de seus salários fique a cargo do Estado.

A Procuradoria Geral de Justiça solicitou ao governador Robinson Faria que sejam cedidos para a guarda do Ministério Público do Rio Grande do Norte sete policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).

Além do pedido para que alguns dos mais capacitados homens da segurança pública saiam das ruas para o MP, o órgão ainda requer que o ônus do pagamento de seus salários fique a cargo do Estado.

O pedido foi enviado pelo procurador-geral de Justiça adjunto, Jovino Pereira em 10 de novembro ao governador Robinson Faria. No ofício, ele diz que a solicitação partiu do Gabinete de Segurança Institucional do Ministério Público do Rio Grande do Norte.

Recentemente, o próprio chefe do Executivo determinou que as cessões de servidores deveriam ter nova configuração quanto ao pagamento, cabendo ao órgão que solicitasse arcar com as despesas salariais do servidor.

Mas não é o que o Ministério Público deseja. Ao destacar que solicita os sete policiais, assinala: “com ônus para o Órgão cedente”.

O Ministério Público ainda não comentou a matéria.

FONTE: PORTAL NO AR.

Leia Também...

0 comentários