segunda-feira, 5 de dezembro de 2016


Avião com Xuxa é atingido por raio e faz pouso de emergência em Brasília

Foto: Reprodução / Instagram

O avião que levava Xuxa Meneghel ao Piauí, onde a apresentadora rinha um compromisso, foi atingido por um raio nesta segunda-feira (05), e teve de fazer um pouso de emergência em Brasília. A informação foi postada pela apresentadora em sua conta no Facebook: "Gente... perdão, não poderei chegar no Piauí... nosso avião foi atingido por um raio e fizemos um pouso de emergência em Brasilia... desculpa CASA X".

Na mesma postagem, Xuxa tranquilizou seus fãs: "Graças a Deus tudo bem com a gente".

Rival do Inter, Sport aumenta "bicho" para os jogadores e condena "mala branca"

Cerca de uma semana antes da rodada decisiva do Brasileirão, o Sport decidiu aumentar a premiação dos seus jogadores.


O time do Recife enfrenta o Figueirenseno próximo domingo (11) e depende apenas de uma vitória simples para escapar do rebaixamento para a Série B.


Por outro lado, o Internacional, para permanecer na Série A, precisa (além de vencer o Fluminense) que o Sport não vença os catarinenses.


O presidente do clube pernambucano, João Humberto Martorelli, confirmou que aumentou o “bicho” para os seus jogadores em caso de vitória sobre o Figueirense.


“Aumentamos substancialmente. Temos uma relação profissional (com os jogadores) e a questão financeira faz parte. É natural que tenha um incentivo financeiro para determinadas situações”, explicou o mandatário rubro-negro, em entrevista ao programa Bate-Bola, da ESPN Brasil.


Martorelli, no entanto, não quis confirmar os valores e nem quantas vezes o valor foi aumentado em relação à quantia original.


Por outro lado, questionado sobre a possibilidade de o Figueirense receber estímulo financeiro de outros clubes, como por exemplo o Inter, para vencer o Sport, o presidente disse que reprova a prática, conhecida no futebol como “mala branca”:

“É antiético. Incentivar com recursos financeiros um time que não é o seu é tentar comprar a boa vontade do outro time. Neste ambiente de seriedade que nós estamos após esta tragédia é mais do que ilegal. É antiético e desumano”, opinou o dirigente.

Avião cai dentro de cemitério no Estado do Paraná


Um avião de pequeno porte caiu dentro do cemitério da cidade de Cruz Machado, na região Sul do Paraná, por volta do meio-dia desta segunda-feira (5). Uma pessoa morreu e outra ficou ferida.

O monomotor, um Bravo 700, pegou fogo após a queda. Uma das vítima é Louis Fernando Chinkevicz, 34 anos, piloto da aeronave, que morreu na hora. Ele era morador de União da Vitória, também na região sul do estado.

Clodoaldo Marques Gomes, que acompanhava Louis no voo, teve ferimentos leves e foi encaminhado ao Hospital Santa Teresinha, em Cruz Machado. Segundo o portal G1, ele é fotógrafo e fazia imagens aéreas antes do acidente.

Clodoaldo permanece consciente e ainda ajudou a tirar o corpo do piloto do avião. Com a queda, a aeronave pegou fogo. As chamas foram controlados pelos moradores da região.

Alan Ruschel conta que sobreviveu porque foi chamado para sentar na frente do avião

O lateral da Chapecoense Alan Ruschel, um dos seis sobreviventes do acidente aéreo que vitimou fatalmente boa parte da delegação da equipe catarinese, afirmou que só está vivo porque foi chamado para sentar na parte da frente do avião. De acordo com o jogador, foi a terceira vez que Deus teria salvado a sua vida.

A história foi contada por um dos médicos que acompanha Ruschel Marcos Sonagli. O lateral já respira sem ajuda de aparelhos, está consciente e conversa bastante. O jogador até pediu por um churrasco, porque está com vontade de comer carne.

Ruschel afirmou que é a terceira vez que escapa da morte. A primeira ocasião foi um acidente de carro em Chapecó, a segunda foi o desastre aéreo e a terceira porque tem reagido bem aos tratamentos.

"Se ele tem sete vidas, não precisa gastar as outras quatro", brincou o médico Marcos Sonagli.

Confira os números da violência na região do Seridó

Segundo dados da subcoordenadoria do Itep no Seridó com sede na Cidade de Caicó, a região do Seridó Potiguar registrou, até novembro de 2016, 76 homicídios e 41 suicídios.

Nas estatísticas, Caicó lidera, respectivamente, com 33 homicídios e 22 suicídios.



Alemão entra em avião e descobre que é único passageiro no voo

O alemão Hanjo Peters viajou confortavelmente sozinho, sem nenhum outro passageiro, em um voo de Berlim para Frankfurt, pagando apenas uma tarifa simples, sem nenhum tipo de adicional.

Claro que nada disso foi planejado e quando Peters entrou na aeronave da Lufthansa, um Airbus A321 com 200 lugares, tomou um susto.

"Fui visitar minha família em Frankfurt e, quando entrei no avioã, descobri que era o único passageiro", contou Peters, que é jornalista e trabalha para o tabloide alemão Bild. "Quando me sentei, ouvi um comissário dizer: 'embarque encerrado. Agora, senhor Peters, vamos ensiná-lo a afivelar seu cinto'", completou.

O voo atrasou 90 minutos e, quando foi chamado para embarcar, ouviu um funcionário da companhia aérea dizer: "ahá, chegou nosso passageiro".

Por ser o único a bordo, Peters pode escolher onde se sentar. Ele, que havia comprado uma passagem na classe econômica, recebeu um upgrade para a executiva, ao lado da janela, e pode comer um luxuoso café da manhã regado com vinho tinto.

Além disso, foi mimado durante todo o voo pelos quatro comissário a bordo.

Segundo a Lufthansa, por causa do atraso, os outros passageiros foram realocados em voos mais cedo. Mas, com apenas um sujeito na viagem, não era mais fácil cancelar esse voo e colocar Peters em outro?

Segundo a Lufthansa, toda a tripulação precisava, de qualquer maneira, ir para Frankfurt. Então, o voo iria sair de qualquer jeito.

Peters, além de uma ótima história para contar, teve uma viagem mais confortável do que se tivesse seu próprio jatinho particular. Que mordomia!

MEGA PROMOÇÃO LK MULTIMARCAS

3 Camisetas por R$ 49,90

Camiseta + bermuda R$ R$ 49,90

2 Gola polo R$ 59,90

Relógios a partir de R$ 25,00

Ainda concorra a 1 Fiat Mobi 0Km

A loja LK MULTIMARCAS fica no centro na Rua Renato Dantas vizinho a Tulio Confeções. Na EDISOM
Mais informações pelo telefone 99927-8030

Equipes de TV são furtadas durante velório coletivo da Chapecoense na Arena Condá

Após tantos atos de solidariedade e união do povo de Chapecó em decorrência da tragédia com o voo da delegação da Chapecoense, dois furtos ocorreram na Arena Condá. As equipes da TV Record e da Band tiveram bolsas e equipamentos furtados dentro da arena no sábado, data do velório das vítimas.

A equipe de reportagem da TV Record foi furtada ao lado de uma espécie de santuário feito pelos torcedores para homenagear os jogadores que morreram no acidente. O repórter deixou uma mala ao lado de uma grade e entrou no ar para passar as informações sobre o que estava acontecendo na arena. Quando retornou ao local, percebeu o furto. O repórter perdeu documentos, dinheiro, cartões e alguns bens pessoais.

A empresa de segurança da arena conseguiu flagrar o momento do furto e as imagens já estão nas mãos da Polícia Militar. Na cena é possível ver um torcedor com a bandeira do Brasil, que se aproveita do momento de distração do repórter para pegar a mochila e sair do estádio.

No caso da TV Bandeirantes, o furto ocorreu próximo ao estacionamento destinado à imprensa. Levaram uma mala com equipamentos, como microfone de lapela, cabos e outros aparelhos da emissora. Em ambos os casos, foram feitos Boletins de Ocorrência.

Estes, entretanto, foram os únicos casos de violência registrados desde terça-feira na Arena Condá e região. O que se viu foi muita solidariedade e companheirismo do cidadão chapecoense, inclusive, ajudando o serviço da imprensa e participando ativamente das manifestações feitas pelo clube.

Criminosos atacam DP e ateiam fogo em ônibus na Grande Natal

G1 RN – Pelo menos dois ataques criminosos foram registrados na noite deste domingo (4) em Natal e em Parnamirim, cidade vizinha à capital do Rio Grande do Norte. Uma delegacia de Polícia Civil e um ônibus foram os alvos dos atentados, que são confirmados pela polícia.

A 7ª DP, no bairro das Quintas, Zona Oeste de Natal, foi atacada com tiros e um carro da polícia acabou atingido pelos disparos. Em Parnamirim, os criminosos obrigaram os passageiros, motorista e cobrador de um ônibus da linha J a descer do veículo, que acabou incendiado em frente ao ginásio de esportes de Passagem de Areia, bairro da cidade. Esse ataque foi filmado pelos marginais. O vídeo circula em redes sociais. Na filmagem, os bandidos por diversas vezes gritam o o nome da facção criminosa que reivindica o atentado.

A polícia não confirma com exatidão os horários dos ataques e ainda não afirma que os dois crimes têm relação. No ataque à delegacia, o carro da polícia acabou atingido. Ninguém ficou ferido. No atentado ao ônibus, é possível ver na gravação que as pessoas que estavam no veículos se desesperam. Pelo menos sete criminosos participam da ação. Não há registro de feridos, segundo a polícia.

Exército encomenda 1.580 tanques da Iveco até 2035

O Exército brasileiro encomendou 1.580 tanques Guarani para a Iveco, que devem ser entregues até 2035. O Guarani é blindado, anfíbio e tem tração 6x6. O valor da transação é de R$ 5,9 bilhões. O contrato, conforme o Exército declarou à reportagem, foi assinado no último dia 22 de novembro.

O veículo substituiu o Urutu, modelo que ainda é usado atualmente. O motor é importado da Argentina e montado na fábrica da Iveco em Sete Lagoas, na região Central de Minas Gerais. A potência do blindado é de 383 cavalos, equivalente à de seis carros de passeio, o que faz o veículo ser capaz de subir rampas muito inclinadas. Os combustíveis são o diesel e o querosene de aviões.

O Viatura Blindada Multitarefa Leve sobre Rodas (VBTP-MR) Guarani pode transportar até 11 pessoas e tem peso bruto de 18 toneladas. O veículo, que conta ainda com transmissão automática e capacidade anfíbia, pode ser transportado, por exemplo, pela aeronave KC-390, da Embraer.

São cerca de 9.000 peças, boa parte delas montada à mão, de forma quase artesanal, o que faz com que o processo de produção leve, em média, três meses para uma única unidade. O blindado, dotado de tecnologia de ponta, inclui itens como sistema automático de detecção e extinção de incêndio com oito extintores, capacidade de operação noturna de série, posicionamento global por satélite (GPS), ar-condicionado e elevada proteção balística e antiminas.


Procurada pela reportagem, a Iveco informou que não vai falar sobre o assunto. A relação da montadora com as Forças Armadas não é recente. A parceria, conforme a Iveco Veículos de Segurança informa em seu site, começou em 2008. A primeira unidade foi entregue em 2012, e a centésima foi liberada em 2014. Até maio de 2015, já haviam sido produzidas 130 unidades para o Exército.