Bombeiros e policiais militares realizarão protesto no próximo dia 14 de fevereiro

12:10:00

Com o objetivo de reivindicar os direitos negados pelo Governo do Estado, os Militares Estaduais do Rio Grande do Norte decidiram realizar uma mobilização no dia 14 de fevereiro em frente à Governadoria. A decisão foi tomada em Assembleia Geral Extraordinária na tarde desta quarta-feira (1) na sede da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN), junto com as demais associações.

De acordo com o Subtenente Eliabe Marques, presidente da ASSPMBMRN, as principais reivindicações da categoria são as escalas de serviço reduzidas, o não cumprimento do calendário de pagamento, e o atraso no pagamento e publicação de promoções. “A crise no sistema penitenciário exigiu ainda mais nosso empenho e trabalho em prol da sociedade potiguar. Em contrapartida, não recebemos do Governo o reconhecimento e ações de melhorias para um serviço de qualidade”, argumenta o presidente.

Eliabe Marques explica que desde fevereiro de 2016 o Governo do Estado não cumpre com o art. 28 da Constituição Estadual, que estabelece o último dia de cada mês para o pagamento de salário. Já as folgas que deveriam ser de 72h foram reduzidas para 48h temporariamente, no entanto, o Governo pretende prorrogar o tempo com esta escala. Enquanto isso, as promoções dos Militares de agosto de 2016 não foram pagas, e as promoções de dezembro de 2016 não foram sequer publicadas.

Agora RN  / Plantão Caicó

Leia Também...

0 comentários