terça-feira, 21 de fevereiro de 2017


Viagem com conforto e segurança


Caicó - Natal - Caicó é com Inacinho Viagens.

De Segunda a Sábado

Caicó - Natal 3:00h e 14:00h
Natal - Caicó 02h40 min e 13:00h

Domingos

Caicó - Natal 14:00h
Natal - Caicó 14:00h

Disque viagens 84 - 9.9951-3565 / 84 - 9.8718-4140 / 84 - 3421-1920

Varig, Vasp e dona da Friboi estão entre maiores devedores da Previdência

Os devedores da Previdência Social acumulam uma dívida de R$ 426,07 bilhões, quase três vezes o atual rombo do setor, que foi cerca de R$ 149,7 bilhões em 2016.

Na lista, com mais de 500 nomes, aparecem empresas públicas, privadas, fundações, governos estaduais e prefeituras que devem ao Regime Geral da Previdência Social, segundo levantamento da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, responsável por fazer a cobrança dessas dívidas.

A antiga companhia aérea Varig, que faliu em 2006, lidera a lista com R$ 3,713 bilhões. No levantamento, também estão outras instituições que decretaram falência: Vasp, que encerrou as atividades em 2005 e teve a falência decretada em 2008, com dívida de R$ 1,683 bilhão; antigo Banco do Ceará (Bancesa), com uma dívida de R$ 1,418 bilhão; e a TV Manchete, que tem débitos no valor de mais de R$ 336 milhões.

Grandes empresas também constam entre os devedores da Previdência, como a mineradora Vale (R$ 275 milhões) e a JBS, da Friboi, com R$ 1,8 bilhão, a segunda maior da lista.

A lista inclui também bancos públicos e privados, como Caixa Econômica Federal (R$ 549 milhões), Bradesco (R$ 465 milhões), Banco do Brasil (R$ 208 milhões) e Itaú Unibanco (R$ 88 milhões).

De acordo com o coordenador-geral da Dívida Ativa da União, Cristiano Lins de Moraes, algumas dessas dívidas começaram na década de 1960. "Têm débitos de devedores de vários tipos, desde um pequeno devedor a um grande devedor, e entre eles há muita variação de capacidade econômica e financeira. Também há algumas situações de fraude, crimes de sonegação e esquemas fraudulentos sofisticados. Às vezes, um devedor que aparenta não ter movimentação financeira esconde uma organização que tem poder econômico por trás dele", afirma o procurador da Fazenda Nacional.

A Procuradoria-geral da Fazenda Nacional tenta recuperar parte do dinheiro por meio de ações na Justiça. No ano passado, foi recuperado aproximadamente R$ 4,150 bilhões, cerca de 1% do total devido. O valor recuperado foi 11% superior ao de 2015.

O coordenador da Dívida Ativa da União, Cristiano Lins de Moraes, diz que a Procuradoria-Geral da Fazenda nacional tem desenvolvido projetos para agilizar o pagamento das dívidas. De acordo com ele, programas de parcelamento de dívidas de estados e prefeituras atrasam com frequência o pagamento dos débitos.

O deficit da Previdência Social é um dos argumentos do governo para fazer a reforma do setor, que está em análise na Câmara dos Deputados.

Já a Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal e centrais sindicais propõem mudanças na forma de arrecadação e cobrança de débitos previdenciários.

"É preciso fazer primeiro ajustes no lado das fontes de financiamento. Ou seja, cobrar essa dívida que é dinheiro sagrado de aposentados e pensionistas que foi ao longo do tempo acumulada gerando quase de R$ 500 bilhões de débitos inscritos, fora o que está na fase administrativa. O índice de recuperação é pequeno e lento, temos que criar métodos mais ágeis de recuperação desses recursos", disse Moraes.

Respostas

A Caixa Econômica Federal informou, por meio da assessoria, que paga corretamente e sem atraso todas as contribuições previdenciárias, mas questiona cobranças movidas por processos judiciais movidos por empregados.

A JBS disse, em nota, que já se propôs a pagar as dívidas com créditos que acumula na Receita Federal, mas afirma que a ineficiência no sistema de cobrança impede que a troca ocorra, o que tem gerado multa, também contestada pela empresa.

"A JBS não pode ser penalizada pela demora da Receita Federal em ressarcir seus créditos, mesmo porque se de um lado o Fisco não reconhece a correção dos créditos da Companhia, de outro, tenta exigir os débitos tardiamente, corrigidos e com multa", diz em nota.

A mineradora Vale, também em nota, diz que "como a maioria das empresas e dos governos municipais e estaduais, temos discussões judiciais sobre temas previdenciários. Todas as discussões possuem garantia judicial, o que nos permite a obtenção e manutenção do atestado de "Regularidade Fiscal" até o final dos processos (trânsito em julgado). Entendemos que há chances de êxito em todas as nossas discussões".

O Bradesco informou, em nota, que "não comenta questões sob análise administrativa ou judicial dos órgãos responsáveis".

O Banco do Brasil informou também por nota que a dívida "se trata de um processo de tomada de contas especiais promovida pelo TCU (Tribunal de Contas da União), em 1992, que entendeu serem indevidos os valores auferidos pela rede bancária nos meses de novembro e dezembro de 1991". O banco recorreu da decisão do TCU na Justiça Federal.

O Itaú não se manifestou até a publicação do texto. A reportagem não conseguiu contato com representantes da Varig, Vasp, Bancesa e TV Manchete.

Após morte de PM, nove pessoas são assassinadas em Ceará-Mirim, RN


Nove pessoas foram assassinadas nas últimas horas em Ceará-Mirim, município da Grande Natal. As mortes aconteceram após o assassinato de um sargento da Polícia Militar, que foi executado com tiros pelas costas na noite desta segunda (21). Jackson Sidney Botelho Matos, de 42 anos, trabalhava no 11º Batalhão. Quanto às vítimas, segundo a própria PM, nenhum foi identificada até o momento.

Segundo a assessoria de comunicação da PM, seis pessoas foram mortas na comunidade de Baixa do Rato, uma em Cidade de Deus, outra em Brogodó e uma última em Jacoca.

Sobre as nove mortes, questionada à cerca de uma eventual represália em razão da morte do sargento, a assessoria de comunicação da Polícia Militar disse que a Polícia Civil vai investigar o caso e que só vai se pronunciar após a conclusão dos inquéritos.

Fonte: G1

Marinha faz busca por armas, drogas e celulares no Pavilhão 5 de Alcaçuz


Fuzileiros navais realizam nesta terça-feira (21) uma vistoria em busca de armas, drogas e aparelhos celulares no Pavilhão 5 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, como é mais conhecido o Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga. A unidade fica em Nísia Floresta, na Grande Natal. Trata-se de mais uma etapa da operação ‘Varredura’, realizada pelos militares da Marinha nas unidades de detenção do estado.

Em janeiro, presos de duas facções criminosas que lutam pelo controle do tráfico de drogas no estado se enfrentaram dentro da pentienciária de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. Pelo menos 26 detentos foram mortos no massacre.

O PV5 de Alcaçuz é a quinta unidade a ser vistoriada desde o início das operações. Até o momento, já foram inspecionadas a Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP), a Penitenciária Agrícola Dr. Mario Negócio e a Cadeia Pública de Mossoró, ambas em Mossoró, e o Presídio Provisório Professor Raimundo Nonato, mais conhecido como Cadeia Pública de Natal.

Para a atuação da tropa, os fuzileiros não têm contato com os detentos. Para isso, contam com o apoio de agentes penitenciários do Grupo de Operações Especiais (GOE), unidade de elite da Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc). Na áreas externa, a Marinha tem apoio da Polícia Militar.

Decreto presidencial
De acordo com o decreto assinado pelo presidente Michel Temer, as ações realizadas pelas forças armadas dentro dos presídios do país visam a "detecção de armas, aparelhos de telefonia móvel, drogas e outros materiais ilícitos ou proibidos".

Fonte: G1

Aumento das temperaturas globais ameaça 'sufocar' os oceanos

O oxigênio é essencial para a vida noPlaneta, seja em terra ou mar. No entanto, o fornecimento desse gás para os seres marinhos está ameaçado pelo aquecimento global.

O alerta vem do estudo mais abrangente já realizado sobre a perda de oxigênio nos oceanos e publicado nesta semana na revista científica Nature.

De acordo com a pesquisa, o conteúdo de oxigênio oceânico diminuiu mais de dois por cento nos últimos 50 anos.

O fornecimento de oxigênio nos oceanos é ameaçado pelo aquecimento global de duas maneiras. A primeira é que águas de superfície mais quentes retêm menos oxigênio do que as águas mais frias.

Além disso, a água mais quente influencia a estratificação do oceano, tornando praticamente estanque a separação entre líquido quente, no topo, e frio, nas profundezas.

Isso enfraquece a circulação que liga a superfície com o oceano profundo e menos oxigênio é transportado para baixo. Por tabela, a redução da oferta de oxigênio oceânico tem consequências importantes para os organismos marinhos.

“Como os peixes grandes, em particular, evitam ou não sobrevivem em áreas com baixo teor de oxigênio, essas mudanças podem ter conseqüências biológicas de longo alcance”, diz em nota à imprensa Sunke Schmidtko, o principal autor do estudo, do Geomar Helmholtz Centro de Pesquisa Oceanográfica, em Kiel, na Alemanha.

O estudo reconhece que processos naturais ao longo de décadas também podem ter contribuído para a diminuição observada do oxigênio.

No entanto, os resultados da pesquisa são consistentes com a maioria dos cálculos de modelos que preveem diminuição do oxigênio nos oceanos devido a maiores concentrações de dióxido de carbono atmosférico e consequentemente maiores temperaturas globais.

Além dos efeitos sobre a biodiversidade, essa perda também pode ter consequências prejudiciais para pescas e economias costeiras.

Mulher e homem acusados de adultério recebem 100 chibatadas em público como punição

Uma mulher e um homem, considerados culpados de adultério, receberam 100 chibatadas como punição.

Uma imagem da mulher, que não foi identificada, e foi condenada a receber as chibatadas na província ocidental de Ghor, Afeganistão, como punição pelo adultério, acabou sendo publicada na internet.

As chibatadas ocorreram em frente a uma multidão de homens e a cena foi filmada. A afegã vestia uma burca e foi atingida por um chicote de couro. Durante a punição ela permaneceu agachada.

A condenação foi apoiada pelo governo na província e foi baseada na Lei Sharia, e de acordo com um porta-voz do governo, servirá de lição a outras pessoas.

Mulher e homem, que não foram identificados, receberam 100 chibatadas, na província ocidental de Ghor, Afeganistão, como punição por um adultério.

Fonte: DailyMail


Sargento da PM é assassinado em Ceará-Mirim

Um PM foi morto a tiros na noite de ontem (20), no município de Ceará-Mirim. A vítima foi identificada como sargento Botelho.

Homens armados se aproximaram em um veículo e dispararam contra o policial, que não estava trabalhando no momento.

Ele morreu no local. Ninguém foi preso.

Quadrilha armada ataca carro forte na divisa do Ceará com o Rio Grande do Norte

Uma quadrilha armada atacou um carro-forte na noite desta segunda-feira (20) na rodovia BR-304, no município de Aracati, interior do Ceará. Segundo o 1º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o crime ocorreu na divisa do Ceará com o estado do Rio Grande do Norte.

Conforme a PM, os criminosos bloquearam a via utilizando um ônibus e trocaram tiros com os seguranças da empresa de segurança. Após o confronto, o bando teve acesso ao veículo e explodiu o cofre, que ficou em chamas. Logo depois do crime, os suspeitos conseguiram fugir.

Equipes da Polícia Militar de Aracati e municípios vizinhos foram acionadas para realizar buscas na região na tentativa de localizar os criminosos. Até o momento, porém, ninguém foi preso.

O Corpo de Bombeiros foi chamado ao local para conter as chamas no carro-forte. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a foi temporareamente bloqueada.

G1 - CE / Plantão Caicó

ALEGRIA, ALEGRIA !! Chuva de 170 milímetros em Cidade do Sertão paraibano faz açude de grande porte que estava seco acumular muita água


Açude após o registro de 170 mm de chuva em Condado, no Sertão da Paraíba

O final de semana foi de boas chuvas em várias cidades do Sertão da Paraíba. A maior precipitação foi registrada na cidade de Condado com 170 milímetros.

A chuva foi o suficiente para acumular uma boa recarga no Açude Engenheiro Arcoverde, que estava seco na sexta sexta-feira (17) e amanheceu esta segunda-feira (20), com uma boa quantidade de água.

A capacidade máxima do manancial é de 36 milhões 834 mil e 375 metros cúbicos.

Veja cidades que choveu na região:

São Bento – 70,0 mm

Paulista – 63 mm

Pombal – 60,0 mm

São Bentinho – 61,0 mm

São Domingos – 52,0 mm

Lagoa – 50 mm

Vista Serrana – 33,5 mm

Cajazeirinhas – 26,5 mm

Coremas – 21,6 mm

Situação do açude antes da chuva em Condado, no Sertão da Paraíba

O açude

O Açude Engenheiro Arcoverde ou Açude Público Engenheiro Arcoverde, também conhecido como Açude de Condado é um açude (lago artificial) localizado no município de Condado, estado da Paraíba, foi construído pelo DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas) entre os anos de 1932 e 1936, a administração de seus recursos está sob responsabilidade da Agência Nacional de Águas (ANA).

A barragem do açude é cortada pela BR-230, onde de um lado se encontra a Rua das Residências e do outro o centro de Condado.

O reservatório atende ao consumo urbano das cidades de Condado e Malta, com 36.000 m³/mês, sendo um total de 18.000 m³ para cada cidade, totalizando uma vazão de 427.030 m³/ano. Além disso as águas do açude servem de base para a irrigação do Perímetro Irrigado Federal Engenheiro Arcoverde que tem uma área de 240 hectares de cultura irrigada.

Diário do Sertão / Plantão Caicó 

Atenção : Não perca esta oportunidade de comprar sua casa em condomínio fechado pelo programa habitacional Minha Casa, Minha Vida


Vende-se imóvel em um condomínio fechado no Bairro Maynard em Caicó.O imóvel conta com 2 quartos, banheiro social, sala,cozinha, área de serviço e garagem. Pode ser financiada pelo banco.

Valor da Residência R$ 115 mil.

Interessados podem entrar em contato com o corretor Carlos Eduardo - CRECI 5408/RN - pelo número 84. 9 9981-2503. Imóvel ideal para investimento na melhor localização da Região do Seridó.

Carlos Eduardo Melo Mariz

(84) 9981-2503