sábado, 17 de junho de 2017


120º Homicidio em Mossoró 2017: Jovem baleado no Santa Helena morre no HRTM nove dias depois

Mais um homicídio vai para as estatísticas da Violência, que assola a cidade de Mossoró,na região Oeste do Rio Grande do Norte. 

O jovem Ítalo Mateus Nascimento de Almeida de 18 anos, baleado na Rua Maria Batista no loteamento Santa Helena no dia 08 de desse mês, não resistiu aos ferimentos e morreu no início da noite deste sábado 17 de junho de 2017, no Hospital Regional Tarcísio Maia onde estava internado desde então. 

Ítalo Mateus, havia sido preso com uma moto roubada.

COMPRE SUA CASA PELO PROGRAMA HABITACIONAL MINHA CASA, MINHA VIDA COM PRESTAÇÕES A PARTIR DE R$ 450,00


Vende-se imóvel em um condomínio fechado no Bairro Maynard em Caicó.O imóvel conta com 2 quartos, banheiro social, sala,cozinha, área de serviço e garagem. Pode ser financiada pelo banco.

Valor da Residência R$ 115 mil.

Interessados podem entrar em contato com o corretor Carlos Eduardo - CRECI 5408/RN - pelo número 84. 9 9981-2503. Imóvel ideal para investimento na melhor localização da Região do Seridó.

Carlos Eduardo Melo Mariz

(84) 9981-2503

PROGRAMAÇÃO DA ILHA DO FORRÓ

A Ilha do Forró será uma programação especial de shows, de 22 a 25 de junho, durante o Festival Gastronômico e Cultural de Caicó. Confira a programação:

Quinta-feira (22):
Os 4 Forrozeiros
Evan & Forró do Namoro


Sexta-feira (23):
Brandões do Forró
Robson Carneiro e Forró de Autoridade


Sábado (24):
Laércio Vaneirão
Forró É Bom Demais


Domingo (25):
Dodora Cardoso, Nara Costa, Tânia Soares e Rodolfo Lopes.

FHC JÁ ADMITE UNIÃO COM LULA PARA SALVAR O PAÍS

O PSDB, maior responsável pela presença de Temer no Palácio do Planalto, continua garantindo a sua permanência no cargo, mesmo contrariando a vontade da esmagadora maioria do povo, do qual se diz representante. As principais lideranças do partido, na verdade, estão completamente tontas e confusas, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, por exemplo, que muda de posição todo dia, ao sabor dos acontecimentos. Ao mesmo tempo em que querem continuar dividindo o poder com Temer, usufruindo das benesses, entre outras coisas, com quatro ministros, estão preocupados em segurar seus eleitores que, decepcionados com o engajamento num governo podre, estão debandando. E isso certamente terá efeitos desastrosos para o seu projeto de poder em 2018. Afinal, como é que pretendem conquistar a Presidência da República se hoje contrariam precisamente quem poderia lhes dar os votos necessários à materialização desse sonho: os eleitores?

Poucos dias após a reunião da cúpula do partido, que decidiu ficar na base do Congresso e manter o apoio a Temer, FHC, que apoiou o golpe e sempre defendeu a permanência do peemedebista no Planalto, divulgou nota no Globo revelando que só agora, surpreendentemente, percebeu a gravidade da situação. Diante disso, defendeu um gesto de grandeza de Temer e a antecipação das eleições gerais. “Ou há um gesto de grandeza por parte de quem legalmente detém o poder, pedindo antecipação de eleições gerais, ou o poder se erode de tal forma que as ruas pedirão a ruptura da regra vigente exigindo antecipação do voto”, ele disse. Mais adiante, o tucano-mor vaticinou que “ou se pensa nos passos seguintes em termos nacionais e não partidários nem personalistas ou iremos às cegas para o desconhecido”. O ex-presidente, na verdade, fez uma verdadeira acrobacia com as palavras para justificar sua nova posição. Se quisesse, efetivamente, dar sua contribuição para solucionar o problema, bastaria levar o partido a romper com Temer. Simples e prático.

O fato é que os tucanos sabem que precisarão suar a camisa para tentar recuperar os eleitores e sua imagem, bastante abalada com a participação no golpe que derrubou Dilma e, consequentemente, com a ascensão de Temer, que vem destruindo o país de modo acelerado. E dificilmente conseguirão apagar da memória popular o estigma de que foi o presidente da legenda, o senador Aécio Neves, que deflagrou tudo isso, ao perder as eleições presidenciais de 2014. Inclusive, só “para encher o saco” dos petistas, ingressou com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral pedindo a cassação do mandato da chapa Dilma-Temer, o que acabou se voltando contra os seus próprios interesses, salvos pelo voto de minerva do ministro Gilmar Mendes. E Aécio, que posava de vestal com discursos inflamados apontando o dedo sujo e pedindo a condenação e prisão de adversários acusados de corrupção, acabou desmascarado como um dos maiores corruptos do país, afastado do mandato de senador e ameaçado de ser preso a qualquer momento. Está colhendo o que plantou.

Esperto como é, Fernando Henrique, que sempre acusou o que chamou de “lulopetismo” pela corrupção no país, agora, depois da descoberta das traquinagens de Aécio, prefere fingir que não o conhece. E passou a defender veladamente a união de todos, sem partidarismos e personalismos, para que o país reencontre o seu rumo. Aparentemente, isso significa que ele já admite implicitamente uma possível aliança com Lula para “devolver a legitimação da ordem à soberania popular”. Na realidade, ele sabe, como de resto todo o Brasil, que se as eleições diretas forem antecipadas o líder petista voltará ao Palácio do Planalto, conforme atestam as pesquisas de intenção de votos , que o colocam na liderança em todos os cenários. FHC sabe, também – na verdade sempre soube mas preferiu tentar levar seu partido ao poder por um atalho – que a única solução para os problemas do país é a eleição direta, devolvendo ao povo o direito de escolher o seu governante, o que dará ao novo Presidente a legitimidade necessária para promover as medidas indispensáveis ao fim da recessão, à retomada do crescimento e a volta dos empregos.

Essa nova posição de FHC, adotada depois que finalmente percebeu com bastante atraso não haver outra solução para os problemas do país a não ser o afastamento de Temer e a convocação de eleições gerais, não deve porém ficar apenas em palavras. É imperioso partir para ações concretas, pois de outro modo ficará parecendo mais uma demagogia do tucano-mor. Considerando que o PSDB é quem está segurando a escada de Temer, basta retirá-la para que ele caia de uma vez, não existindo mais nenhum pincel em que possa segurar-se. Chega de posições dúbias, do tipo “estamos na base mas não ficaremos”, pois desse modo não terão nem o reconhecimento de Michel Miguel e muito menos do eleitorado. Torna-se urgente a admissão e votação do impeachment pela Câmara dos Deputados ou, então, a aprovação do seu afastamento, conforme o esperado pedido do Supremo Tribunal Federal. O momento é tão grave que não comporta mais hesitações ou adiamentos. É preciso por um fim nessa agonia do povo brasileiro.

CORREIOS ACABAM COM E-SEDEX E FRETES EM LOJAS ONLINE PODEM FICAR MAIS CAROS


Os Correios decidiram acabar com um dos seus principais produtos, o e-Sedex, modalidade exclusiva para comércio eletrônico. O serviço tinha o mesmo prazo do Sedex convencional, mas o frete era mais barato. O produto será descontinuado na próxima segunda-feira (19). Agora, todas as postagens de encomendas deverão ser realizadas por SEDEX ou PAC.

O que difere é que a área de cobertura é restrita a algumas cidades e há o limite de peso de objetos postados, de até 15 quilos.

Segundo os Correios, "motivo para o fim do e-SEDEX é a implantação da Política Comercial da empresa, que reorganizou o portfólio de serviços, de modo a garantir a capacidade da estatal na prestação adequada de todos os serviços que atendem ao e-commerce, como SEDEX, PAC, Logística Reversa e CorreiosLog, de forma integrada e não mais sustentada em apenas um produto dedicado".

Encomendas

A decisão foi comunicada às empresas que utilizavam o serviço e confirmada pela assessoria de imprensa da estatal. De acordo com a empresa, as encomendas em trânsito seguem, normalmente, conforme o serviço contratado inicialmente.

POLÍCIA LOCALIZA MOTOCICLETA ROUBADA DO MOTOTAXISTA ASSASSINADO EM CAICÓ

No início da tarde deste sábado (17), Policiais do Distrito Polícia Rodoviária Estadual (DPRE), localizaram a motocicleta roubada do mototaxista Lázaro,  morto no último dia (09) em via pública no bairro Acampamento após um assalto.

A motocicleta foi encontrada abandonada em um matagal entre os bairros Serrote Branco I e Serrote branco III, zona norte de Caicó.

A motocicleta foi entregue na DP de Caicó.

RIO GRANDE DO NORTE ULTRAPASSA OS 1.100 CRIMES DE HOMICÍDIOS

Em menos de seis meses do ano, o Rio Grande do Norte ultrapassou os 1.100 assassinatos. Desse total, 14 foram contra agentes de segurança pública. Os dados do Observatório da Violência (OBVIO) dão conta de 1.119 crimes em todo o estado entre 01 de janeiro e 15 de junho de 2017; o que equivale à 234 mortes á mais do que o mesmo período do ano passado.

OBVIO / Plantão Caicó

Onze presos estão desaparecidos desde o motim no presídio de Alcaçuz

Uma simples chamada telefônica causa apreensão à empresária Camila Lima. O som da campainha quando ecoa no apartamento faz o coração do aposentado Francisco Luiz da Silva, de 64 anos, palpitar mais forte e se encher de esperança. Eles anseiam por respostas. A angústia, porém, consome os dias de ambos de maneira mais intensa há quase cinco meses. O filho dele, Guilherme Ely Figueiredo da Silva, de 36 anos, e o irmão da empresária, Caio Henrique Pereira de Lima, 29 anos, cumpriam pena por tráfico no Pavilhão 4 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal. Eles, e outros nove detentos, sumiram após a rebelião em janeiro. Não há nenhum tipo de registro da entrada deles em outras unidades prisionais, hospitais públicos ou privados nem na lista oficial dos foragidos ou mortos.

Coube aos familiares iniciar uma incansável e frustrante procura “É uma busca desesperadora. Comparo o caso do meu filho com o de Eliza Samúdio, com o de Ulysses Guimarães, cujos corpos jamais apareceram. Ninguém sabe onde eles estão”, disse o aposentado.


Desde a rebelião, Silva não deixou de pensar com mais intensidade no filho. Eles não dividiam o mesmo teto desde abril de 2016, quando Ely foi preso pela última vez. “Minha mulher está em estado terminal de câncer e eu passava dia e noite com ela no hospital. Certo dia, vim em casa e quando fui atender à campainha, uns dez policiais entraram procurando por ele e o levaram. Guilherme consumia drogas, mas não era traficante. Depois, vivemos essa angústia. Tudo piorou depois que ele sumiu de Alcaçuz. O Estado tem de dizer onde está meu filho”, declarou, olhando para uma foto do filho.


Questionado sobre o vazio da ausência, ele respirou fundo e respondeu, com os olhos cheios de lágrimas: “O quarto dele está arrumado, esperando voltar. Fica um vazio, sabe? Eu me sinto apunhalado pela incerteza. Não sei se um dia sentirei ele junto a mim de novo.”


Incógnita

O paradeiro de Ely é uma incógnita reconhecida pela Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc), responsável pela administração das prisões potiguares. “Nós não sabemos onde ele está”, limitou-se a dizer o titular da pasta, Luiz Mauro Albuquerque Araújo. Informações repassadas por outros detentos ao Estado indicam que os dois homens foram mortos e estão enterrados em um túnel abaixo do Pavilhão 4 de Alcaçuz. O Estado, porém, nega a informação.


Já o nome de Caio Henrique Pereira de Lima aparece na lista do governo como recolhido à penitenciária, mas Camila, garante que ele não está lá. “Não temos notícias dele há quatro meses.” As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

MORTOS EM ACIDENTE, EX-CANTORA DO CAVALEIROS DO FORRÓ E MARIDO ESTAVAM SEM CINTO

A cantora de forró Eliza Clívia, ex-vocalista das bandas Cavaleiros do Forró e Cavalo de Aço, e o namorado dela, o baterista Sérgio Ramos, mortos nesta sexta-feira (16) em um acidente de trânsito em Aracaju (SE) (veja aqui), estavam sem cinto de segurança. O veículo em que a cantora estava se envolveu em uma colisão com um ônibus no cruzamento das ruas Arauá e Maruim, região central de Aracaju. De acordo com o site Uol, a Polícia Militar informou que o carro avançou a preferencial do cruzamento e acabou se chocando com o ônibus. Ainda segundo a PM, o impacto da batida foi tão forte que acabou arremessando a traseira do veículo contra um muro. O casal, que estava no banco de trás do carro, acabou sendo esmagado e ficou preso às ferragens. Eliza tinha 37 anos. Outras três pessoas que estavam no veículo tiveram ferimentos leves e não correm risco de morte, segundo o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), para onde as vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Elas foram identificadas como Cleberton José dos Santos, João Paulo Tavares da Silva, e Paulo Teixeira de Carvalho. Segundo o Samu, Cleberton, motorista do carro, precisou de ajuda do Corpo de Bombeiros porque ficou preso ao veículo. Ele estava desorientado, apresentou sangramento auditivo e não tinha sinais aparentes de fratura. As vítimas estão internadas no Huse sem previsão de alta. Os corpos de Eliza e de Sérgio tiveram de ser retirados pelo Corpo de Bombeiros com uso de aparelho desencarcerador, e foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) para necropsia. O local dos enterros dos corpos ainda não foi divulgado. A banda Cavalo de Aço lamentou a morte dos ex-integrantes do grupo e afirmou que eles deixaram “muitas lições de amor, amizade, profissionalismo, ética e humanidade”. “As pessoas são insubstituíveis em sua existência, e quando são especiais, além da falta que fazem àqueles que as amam, deixam o mundo mais pobre. Sem o nosso amigo, o mundo perde um pouco do seu brilho, alegria e cor”, disse em nota. Já o cantor Peruano Cavaleiros, vocalista da banda Cavaleiros do Forró, publicou uma homenagem à cantora destacando que ela foi a “nossa grande rainha. Daquelas que realmente são insubstituíveis”.

NOVIDADES É NA LK MULTIMARCAS

Não perca tempo, venha você também para a LK Multimarcas e confira as grandes novidades que chegaram para você arrasar neste final de semana.

LK MULTIMARCAS é em EDISOM

84 -  999278030
84 - 34213028

Instagram @LkMultimarcas

Rua Renato Dantas 643 próximo a Farmácia Pague Menos no Centro de Caicó