segunda-feira, 26 de junho de 2017


WhatsApp vem perdendo espaço na tela inicial do celular no Brasil

A pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box mostrou que o aplicativo WhatsApp está perdendo espaço na tela inicial dos smartphones brasileiros. Enquanto ele ainda é o app mais popular, em 95% dos aparelhos, o WhatsApp atualmente se encontra na tela inicial de 66% dos celulares brasileiros.

Em 2015, a pesquisa encomendada pelo pessoal do Mobile Time mostrou que o WhatsApp estava presente na homescreen de 83,2% dos smartphones, indicando uma queda ao longo dos anos.

Qual app você escolheria se pudesse ter apenas um instalado no celular?

"O resultado não quer dizer que o brasileiro esteja desinstalando o WhatsApp, nem mesmo que esteja utilizando menos esse mensageiro. Apenas não o expõe mais tão facilmente em sua homescreen", comentou o MT. "Isso pode ser um indicativo de ganho de maturidade do usuário de smartphone, ao explorar as lojas de aplicativos, experimentar outros títulos e, consequentemente, reorganizar a sua homescreen. Vale destacar, contudo, que Facebook, Instagram e Facebook Messenger, embora tenham perdido espaço em dois anos, apresentaram uma melhora nos últimos seis meses, talvez fruto da adição de novas funcionalidades em todos eles".

Mais interessante, quando confrontados com a pergunta: "Qual app você escolheria se pudesse ter apenas um instalado no celular?"; 51,9% dos internautas brasileiros ainda escolheram o mensageiro WhatsApp.

Na EDISOM você encontra o seu Hand Spinner

CHEGARAMMM. Vem buscar seu Hand Spinner!

Modelos Muito legais e diversas cores!

Rua Renato Dantas 643 prox a Farmácia Pague Menos no Centro de Caicó

84 - 9.9927 - 8030
84 - 3.421- 3028

Uso do FGTS para pagar seguro-desemprego não se justifica, diz Ministro



O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta segunda-feira, 26, que o uso do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para o pagamento do seguro-desemprego não se justifica.



“À primeira vista, a avaliação preliminar é que não se justifica de fato essa medida nesse momento”, afirmou Meirelles a jornalistas após encontro com o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Raimundo Carreiro.

Corte o seu cabelo e faça a sua barba na barbearia KN



A barbearia KN fica localizada na Rua José Hermínio, Número  460, Bairro Paraíba, (A 50 metros do Centro Cultural).

De Segunda à Sábado das 07:30 as 18:00, (Sem fechar para o almoço)

Ligue e marque o seu horário : 84 - 9.9818 - 6290 ou 84 - 9.9943 - 2168


RN perdeu R$ 1,68 bilhão com violência no trânsito em 2016



O Rio Grande do Norte perdeu R$ 1,68 bilhão em decorrência da violência no trânsito no ano de 2016. O valor é equivalente a 3,02% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado. O dado foi apresentado pelo Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), e é correspondente ao que seria seria gerado pelas vítimas caso não tivessem se acidentado. Ao todo, 571 pessoas morreram e outras 729 ficaram inválidas permanentemente devido aos acidentes de trânsito.

O fator que mede a perda da capacidade produtiva é chamado de Valor Estatístico da Vida (VEV), ou seja, o quanto cada brasileiro deixa de produzir anualmente em caso de morte ou invalidez.

Apesar da estatística negativa, o CPES apontou que a violência no trânsito no Rio Grande do Norte caiu. Isso aconteceu em decorrência da crise econômica - que reduziu as vendas de automóveis e tirou muitos veículos de circulação no país. Entre os anos de 2015 e 2016, o RN teve redução na perda do PIB, 34,59%. Mesmo assim, foi o suficiente para deixar o Estado como a terceira federação a apresentar maior perda percentual do Nordeste.

Outro fator para a redução da estatística é o aumento da fiscalização, como a Lei Seca. “A violência no trânsito caiu de forma considerável, o que é um fato alentador. Ainda assim, o número de vítimas remete a um quadro de guerra. E a grande maioria concentra-se na faixa etária de 18 a 64 anos. Ou seja, pertence a um grupo em plena produção de riquezas para a sociedade”, analisou o diretor do CPES, Claudio Contador.

Acidentes de moto

O número de vítimas atendidas no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel em decorrência de acidentes de motos caiu em 2016. Enquanto o hospital registrou 10.411 acidentados em 2015, no ano passado a unidade de saúde atendeu 8.729 pessoas, uma redução de 16,1%.

Apesar de apresentar uma redução no número de atendimentos entre os anos de 2016 e 2015, o Walfredo Gurgel constatou que o número de pacientes atendidos vítimas do trânsito cresceu vertiginosamente nos últimos 10 anos.

Em 2006, a média de atendimento de acidentados com motos no HMWG era de 405 pacientes no mês, em 2016, a média subiu para 727 pacientes. Em dados absolutos, o hospital registrou o atendimento de 4.860 pessoas em 2006 contra 8.729 pessoas no ano passado, um aumento de 79,6% no número de vítimas.

Maio Amarelo

Nesta quinta-feira (22), o hospital Walfredo Gurgel irá apresentar um balanço das atividades de prevenção aos acidentes de trânsito no Estado. O evento faz parte do movimento Maio Amarelo e é promovido pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap). Também serão apresentados no evento as perspectivas das ações educativas para o segundo semestre.

“Os acidentes de trânsito são cada vez mais graves, onerosos e, na maioria das vezes, fatais. Iniciativas como esta do Maio Amarelo são de extrema importância, uma vez que o tema está sempre em nosso dia a dia”, afirmou a diretora geral do HMWG, Maria de Fátima Pereira Pinheiro.


Tribuna do Norte 

URGENTE : VEÍCULO CAI DENTRO DE BARRAGEM NO DISTRITO DE LAGINHAS

Por volta 18:40 desta segunda-feira (26), foi registrado um acidente de trânsito na RN 118 no distrito de Laginhas, município de Caicó.

Um veículo gol de cor prata caiu dentro da Barragem que fica as margem da RN, o carro era ocupado por duas pessoas que conseguiram sair do veículo sem nenhum ferido e passam bem.

Uma das vítimas é a esposa do empresário Caicoense Inacinho Viagens.


De acordo com informações, o acidente foi provocado devido um buraco na pista.

Terceiro final de semana de junho no RN registra 16 homicídios, aponta OBVIO

O OBVIO - Observatório da Violência Letal Intencional do RN, apresenta uma nova atualização de CVLIs, no período compreendido entre 1 de janeiro a 25 de junho de 2017 comparado ao mesmo período dos anos de 2015 e 2016.

O RN contabiliza mais um fim de semana violento. No cômputo geral, até o fim da noite de ontem (25/06/2017) foram 1181 CVLIs no RN. Os dados apontam para um aumento de 24,2% em relação a 2016. Os dados absolutos demonstram 230 mortes violentas a mais que no ano passado no mesmo período. Em 2016, até o mesmo período, foram 951 CVLIs, contra 774 em 2015 e 864 em 2014.


Castelo de Cartas Brasil / Plantão Caicó

PERDI A CHAVE DO CARRO, E AGORA?



"Tenha sempre uma ou duas chaves reservas do seu veiculo, assim você evita dor de cabeça e principalmente dor no BOLSO!"

Em Caicó você tem a Caicó Auto Chaves.

Chaves codificadas para automóveis nacionais e importados.

Observação  !!

 
Consertamos módulos de Air Bag e ABS !!

 
Consertamos buzina de toyota hilux e corola em geral !!

Contatos - 84 - 9. 9668-8485

WhatsApp - 84 - 9.9945-5859



Juíza decreta internação provisória de jovens apreendidos com drogas e arma em Caicó

Na tarde de óntem a MM juiza de Direito da comarca de Jardim do Seridó, Dr. Janaina da Silva Maia, decidiu pela internação provisória do casal de adolescentes, de 15 e 17 anos, apreendidos pela Polícia por duas vezes cometendo o Ato Infracional similar ao Tráfico de Drogas no Complexo Turístico Ilha de Sant’Ana no Centro de Caicó.

Apreensão e reicidência

Os adolescentes foram apreendidos pela Cipam às 21:30 da noite do sábado, eles estavam em poder de 18 touquinha de maconha e 19 de cocaína, foram conduzidos a DP, soltos na presença de um responsável, e apreendidos novamente às 2h do domingo com 8 touquinhas de maconha e 9 de cocaína, além de, uma arma de fogo tipo garruncha escondida na calcinha da menor quando estavam na Iha durante o evento do “São João na Ilha de Sant’Ana”.

A MM juiza solicitou, através de ofício, a abertura de vaga para internação provisória dos adolescentes no Centro de Gerenciamento de vagas da FUNDAC.

Na tarde deste domingo (25) uma equipe da Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar, compareceu na residência da menor de 15 anos localizada no bairro Soledade para pegar seus documentos e alguns pertences (roupas).

O adolescente de 17 anos, residente no bairro João XXIII, também será encaminhado para um Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Acusado de Ato Infracional – CIAD – provavelmente em Natal ou em Mossoró, aonde eles deverão passar cerca de 45 dias para repensarem suas atituldes.

CRN / Plantão Caicó

COMPRE SUA CASA PELO PROGRAMA HABITACIONAL MINHA CASA, MINHA VIDA COM PRESTAÇÕES A PARTIR DE R$ 450,00



Vende-se imóvel em um condomínio fechado no Bairro Maynard em Caicó.O imóvel conta com 2 quartos, banheiro social, sala,cozinha, área de serviço e garagem. Pode ser financiada pelo banco.

Valor da Residência R$ 115 mil.

Interessados podem entrar em contato com o corretor Carlos Eduardo - CRECI 5408/RN - pelo número 84. 9 9981-2503. Imóvel ideal para investimento na melhor localização da Região do Seridó.

Carlos Eduardo Melo Mariz

(84) 9981-2503



Trabalhadores tem até a próxima sexta-feira para sacar adono do PIS / Pasep



Mais de R$ 1,083 bilhão estão disponíveis – até a próxima sexta-feira (30) – na Caixa Econômica Federal e no Banco do Brasil para trabalhadores e servidores públicos que tenham cumprido pelo menos 30 dias de trabalho em 2015. Cada um pode ter até R$ 937 a receber, o valor de um salário mínimo. No entanto, 1,83 milhão de pessoas ainda não foram reclamar os  recursos.




Trata-se do abono dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) relativo ao ano-base 2015. Caso o valor não seja sacado por quem de direito até o prazo final, será destinado ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).



Têm direito ao abono, distribuído anualmente, os trabalhadores inscritos nos programas há pelo menos cinco anos, e que tenham trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias no ano de referência, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. É necessário ainda que os trabalhadores tenham tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).