segunda-feira, 10 de julho de 2017


Revista estrangeira questiona : para que serve o Exército brasileiro?


A renomada revista britânica The Economist trouxe em sua última edição uma longa reportagem sobre o uso do Exército no Brasil. Em um país distante do envolvimento em guerras, as Forças Armadas têm 334 mil homens que hoje têm mais utilidade no patrulhamento de cidades afetadas pela violência e no combate ao narcotráfico.

A revista observa que as Forças Armadas têm preenchido vácuos deixados pelas polícias e feito cada vez mais o trabalho de combate ao crime nas cidades. Os pedidos de ajuda dos estados têm se avolumado e, embora apenas 20% deles sejam atendidos, eles têm tomado cada vez mais tempo das corporações. Nas contas da revista, no ano passado os soldados passaram 100 dias patrulhando cidades, o dobro dos nove anos anteriores somados.

O uso das Forças Armadas encontram apoio da população, que enxerga os soldados como mais honestos e competentes do que políticos e policiais comuns.

Assim, o treinamento dos soldados tem se adaptado à nova demanda. Isso traz alguns problemas. O primeiro, é que há um desperdício de recursos, já que o treinamento das Forças Armadas é mais caro que o de policiais comuns. A The Economist também enfoca outro risco: o uso continuado das tropas pode reduzir ainda mais a confiança nas autoridades civis, com impacto negativo sobre a democracia.

Mas para reverter essa tendência o Brasil terá trabalhar. Primeiro, as forças policiais comuns terão de ser reestruturadas. Uma outra ideia é dar mais recursos à Força Nacional.

Ao mesmo tempo, as Forças Armadas precisam ser redirecionadas para sua prioridade de defesa nacional. Isso também requer investimento em equipamentos e treinamento para que haja mais velocidade e flexibilidade no atendimento de alguma crise. O gasto precisará ser melhor orientado, na opinião da revista, para tornar os soldados mais especializados e sem deixar de lado projetos como a compra dos caças suecos.

PERDI A CHAVE DO CARRO, E AGORA?



"Tenha sempre uma ou duas chaves reservas do seu veiculo, assim você evita dor de cabeça e principalmente dor no BOLSO!"

Em Caicó você tem a Caicó Auto Chaves.

Chaves codificadas para automóveis nacionais e importados.

Observação  !!

 
Consertamos módulos de Air Bag e ABS !!

 
Consertamos buzina de toyota hilux e corola em geral !!

Contatos - 84 - 9. 9668-8485

WhatsApp - 84 - 9.9945-5859

URGENTE : CAICOENSE MORRE VÍTIMA DE UM GRAVE ACIDENTE NO INTERIOR DO RN


Um grave acidente envolvendo um caminhão Mercedez Benz/Atron 1319, ano 2014, cor vermelha e placas OKB-6263 / CAICÓ - RN,  matou o motorista no início da tarde dessa segunda feira, 10 de julho, na cidade de Campestre, agreste do RN.

De acordo do informações, o motorista é um caicoense por nome de Francinaldo, residente na Rua Santa Luzia, Bairro Boa Passagem, zona norte de Caicó.



Morre em Caicó, Bezerra Fotógrafo

O fotógrafo Pedro Francisco Bezerra, mais conhecido por Bezerra Fotógrafo, 64 anos, faleceu no início da tarde desta segunda-feira (10), vítima de um infarto agudo Miocárdio.

Uma equipe do Samu foi acionada mais o mesmo já estava sem vida.

Bezerra residia na rua Manoel Benjamin, Bairro Castelo Branco, zona leste de Caicó.

Governador anuncia instalação de 60 novas vagas de UTI

O governador Robinson Faria confirmou nesta segunda-feira, 10, novos investimentos na saúde com a aplicação de R$ 150 milhões em melhorias dos hospitais públicos e instalação de 60 novos leitos de UTI. Os investimentos vão atender várias unidades hospitalares em todo o Estado.

Robinson Faria informou também, em entrevista concedida à jornalista Anna Ruth, no Jornal da Cidade, da Rádio Cidade FM 94, que o Governo vai disponibilizar estruturas móveis para realizar exames de saúde em todas as cidades do interior. “Serão três carretas devidamente equipadas que irão às cidades atender a população. O cidadão poderá fazer seus exames médicos em sua cidade, sem precisar se deslocar”, destacou o Governador assegurando que outras medidas estão sendo tomadas para acabar com as filas de espera para cirurgias eletivas.

O Chefe do Executivo estadual ainda destacou a continuidade do programa de obras da administração estadual como o saneamento em Natal,  uma passagem de nível no cruzamento da avenida Prudente de Morais com a avenida da Integração em Candelária, o início da reforma na avenida Engenheiro Roberto Freire, a conclusão da Moema Tinoco na Zona Norte de Natal e a conclusão do presídio de Ceará Mirim, que está com 80% das obras executadas.

ÚLTIMAS UNIDADES : COMPRE SUA CASA PELO PROGRAMA HABITACIONAL MINHA CASA, MINHA VIDA COM PRESTAÇÕES A PARTIR DE R$ 450,00



Vende-se imóvel em um condomínio fechado no Bairro Maynard em Caicó.O imóvel conta com 2 quartos, banheiro social, sala,cozinha, área de serviço e garagem. Pode ser financiada pelo banco.

Valor da Residência R$ 115 mil.

Interessados podem entrar em contato com o corretor Carlos Eduardo - CRECI 5408/RN - pelo número 84. 9 9981-2503. Imóvel ideal para investimento na melhor localização da Região do Seridó.

Carlos Eduardo Melo Mariz

(84) 9981-2503

Cuidado com os vírus ! WhatsApp agora é capaz de compartilhar todo tipo de arquivo


Após uma intensa gama de testes da fase Beta no primeiro semestre, agora o WhatsApp recebe oficialmente o suporte ao compartilhamento de qualquer tipo de arquivo nas conversas, solução esta implementada com a mais recente atualização do mensageiro.

Esta funcionalidade relativamente básica era um dos conceitos mais esperados pelos fãs da aplicação, visto que anteriormente o envio de arquivos ainda era muito limitado em comparação ao rival Telegram, por exemplo.


Este novo sistema permite o envio de arquivos com até 100MB no Android e iOS, ainda sem previsão de aterrissar oficialmente no Windows Phone, que por ora recebeu apenas a atualização como o novo algoritmo de compressão de imagens.

A utilização desta funcionalidade é bem simples, basta abrir uma janela de conversa, tocar no botão “anexar” e, sem seguida, selecionar “documento”. Na versão prévia, este caminho viabilizava apenas o envio de arquivos no formato Word (.doc) ou PDF.

Agora o WhatsApp suporta até mesmo arquivos APK do Android, sendo justamente nesta empreitada que reside outra controvérsia.

Válido, mas perigoso

Vendo os dois lados da moeda, esta solução mesmo que válida pelo seu arquétipo de praticidade também pode funcionar como um propagador de vírus pelos criminosos digitais, afinal, estamos falando do mensageiro mais utilizado do planeta.

Golpes circulando pelo WhatsApp, infelizmente, não algo incomum, e com a capacidade nativa do envio de todo tipo de arquivo, os vírus uma hora ou outra podem acabar fazendo a festa com base neste recurso – então cuidado com o que você recebe a partir de agora.

A atualização está sendo liberada de forma gradual para as plataformas do Google e Apple, mas também é possível atualizar o mensageiro através das lojas do Android e iOS nos links abaixo.

Sem dinheiro, INSS pode suspender atendimento em metade dos postos


A situação dos cofres públicos é dramática. Sem condições de cumprir a meta fiscal deste ano, de deficit de até R$ 139 bilhões, o Tesouro Nacional está suspendendo uma série de pagamentos e cortando o que pode de despesas. A tesoura, inclusive, avançou sobre o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que pode suspender o atendimento em até metade de suas agências espalhadas pelo país.


Segundo fontes, o Ministério do Planejamento cortou mais de 40% dos recursos disponíveis para o funcionamento das agências do INSS. Há mais de três meses, o presidente da instituição, Leonardo Gadelha, vem conversando com o Planejamento em busca de uma solução, pois o dinheiro disponível para manter os postos de atendimento abertos praticamente acabou. Se nada for feito, nas próximas semanas, o INSS terá que anunciar um plano especial para atender a população.


Diante da escassez de recursos, o Planejamento se mantém irredutível. Mas a perspectiva de caos no atendimento do INSS pode levar o Palácio do Planalto a intervir no assunto. Num momento em que o presidente Michel Temer está a um passo de perder o mandato, o fechamento de agências do INSS levará a população a pedir o fim imediato do governo, dizem técnicos da Esplanada dos Ministérios. Será um desgaste enorme.


Num primeiro momento, a previsão do INSS é reduzir o horário de atendimento a trabalhadores, aposentados e pensionistas. Depois, se nada for feito, será anunciado o fechamento de postos menos procurados, remanejando os atendimentos. A terceira etapa prevê o fechamento total de pelo menos metade das agências. Não haverá dinheiro para nada, apenas para pagar pessoal.


Um técnico do INSS diz que nunca viu uma situação tão dramática. “Falta dinheiro para tudo. Estamos operando no limite da irresponsabilidade. Não por acaso, as pessoas têm reclamado demais do atendimento. O estresse é total”, ressalta. Para ele, o governo precisa ver, urgentemente, o que realmente é prioridade, pois o corte de despesas não pode ser feito de forma aleatória, sob o risco de revolta da população que paga impostos pesadíssimos.

Fonte: Correio Braziliense / Plantão Caicó