Janeiro de 2018 é o segundo mais violento da história

06:11:00



Em apenas 28 dias do mês de Janeiro de 2018 o OBVIO ( Observatório da Violência Letal Intencional no Estado) contabilizou 190 homicídios em todo o Rio Grande do Norte. Os dados mostram que os primeiros dias do ano já estão em segundo lugar no ranking dos mais violentos da história. Em relação ao ano de 2015 a diferença no número de casos de assassinatos é de 36,7% a mais. Em 2017 foram 212 mortes.


A onda de homicídios vem deixando o potiguar com um sentimento contínuo de preocupação. Segundo Ivênio Hermes, pesquisador do OBVIO, muitos desses casos são motivados pela ação de bandidos durante a prática de outros crimes, como o roubo seguido de morte, por exemplo. "O governo afirma, mesmo sem uma investigação prévia, que a maioria das vítimas de assassinatos tinha envolvimento com o tráfico de drogas, mas isso tráta-se de uma colocação precipitada. Cada caso é um caso e nem todo mundo que é morto nesse Estado é bandido", disse.


A violência chegou na porta de quem cuida da segurança, o policial militar Darlan Santana Carvalho, de 40 anos foi o quinto agente assassinado em 2018, o Cabo reagiu a um assalto em uma farmácia, na zona Oeste, na manhã desta segunda-feira (29) e acabou baleado nas costas e na cabeça, Darlan, morreu na frente do filho e era um profissional exemplar, de acordo com os colegas. Para frear a sequência de mortes que aterroriza o Rio Grande do Norte as autoridades da Secretaria de Seguranca Pública prometem ações enérgicas

Leia Também...

0 comentários