Sem esporte interativo em 2019, SBT estuda exibir final da Copa do Nordeste em todo o país

06:14:00



Da mesma maneira que ocorreu neste ano, o SBT já faz planos para transmitir em rede nacional pelo menos a final da Copa do Nordeste de 2019, torneio que reunirá 16 clubes da região e tem os direitos de transmissão detidos pela emissora de Silvio Santos. Na última terça-feira, durante evento nacional de lançamento da nova edição do torneio em São Paulo, o diretor comercial do canal disse que a ideia será de novo trabalhada internamente.


Ao UOL, Marcelo Parada, diretor comercial do SBT explicou: “Teve uma discussão em 2018, mas em função de algumas condições, inclusive o calendário, porque o jogo acabou ficando um pouco espremido na Copa do Mundo, não levamos adiante o assunto. Para o ano que vem a transmissão nacional é algo que pode ser colocado na mesa de novo”.


A temporada de 2019 será a primeira após o encerramento dos canais Esporte Interativo, que detinham os direitos de transmissão em TV fechada e tomavam parte da audiência do canal aberto. A Turner, que administra o EI, manterá o pagamento de cotas previsto em contrato até 2022, mas não exibirá o conteúdo nem sequer em serviços de streaming – os dois ativos, TV fechada e digital, estão sendo apresentados pela Liga dos Nordeste às empresas.


Em 2018, a final da Copa do Nordeste foi realizada em 7 de julho, durante a disputa da Copa do Mundo. Além deste motivo que tem a ver com o calendário de eventos, o SBT também desistiu de transmitir nacionalmente a partida entre Bahia e Sampaio Corrêa porque ela ocuparia o horário da novela infantil “As Aventuras de Poliana” e também do “Programa do Ratinho”, produções que estão entre as principais audiências da casa e têm acordos comerciais fixos.


Para o próximo ano, uma razão contará favoravelmente aos diretores da emissora que desejam a transmissão nacional da final: o bom resultado alcançado nas afiliadas do SBT no Nordeste. Na edição de 2018 o desempenho foi bem avaliado  em relação à audiência e engajamento, com média de 10,2 pontos em Salvador, 8,8 em Fortaleza e 7,3 no Recife, cidades em que os jogos chegaram a liderar audiência, ainda que em alguns casos por poucos minutos.

Marcos Lopes / PLANTÃO CAICÓ

Leia Também...

0 comentários