Aulas de autoescolas serão gravadas

08:52:00


A partir do dia 21 de dezembro de 2018 as autoescolas do Rio Grande do Norte terão as aulas teóricas e práticas monitoradas através de câmeras e o material será analisado pelo Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte (Detran-RN).

A medida põe em prática uma Portaria de 2016 do Detran-RN que tem a intenção de coibir fraudes nas aulas. A mudança pode gerar um aumento em torno de R$ 200,00 no valor da autoescola no estado, segundo o presidente do Sindicato Dos Centros De Formação De Condutores Do Estado Do Rio Grande Do Norte, Eduardo Domingo.

Nesta quarta-feira (12) o Detran-RN  estabeleceu o início da fiscalização e do cumprimento da Portaria nº 1896/2016, que sofreu alterações promovidas pela Portaria 1584/2018. Aqueles que solicitarem a abertura do processo a partir desse dia terão as aulas práticas de carros e aulas teóricas de legislação monitoradas através de câmeras. Essas imagens serão armazenadas e disponibilizadas para o Detran. A mudança ainda não será aplicada em aulas práticas de motocicletas.

“As aulas serão monitoradas de maneira que possa ser identificado quantos alunos estão em sala. A medida quer evitar que alunos coloquem a digital no início e no final do turno estabelecido sem assistirem às aulas de fato”, disse o sub-coordenador de informática do Detran-RN, Hugo Guimarães.

Existem duas empresas de software credenciadas no Detran que oferecem  a tecnologia que permite o monitoramento de dentro dos veículos e das salas de aula. Segundo o presidente do Sindicato Dos Centros De Formação De Condutores Do Estado Do Rio Grande Do Norte (Sindcfc-RN), Eduardo Domingo, 90% das autoescolas do estado já possuem essa tecnologia.

Os 110 centros de formação de condutores do RN podem escolher entre o sistema que usa smartphone para monitorar as aulas, ou através de uma tecnologia que fiscaliza por meio de um tablet, uma câmera  e um sistema dentro do carro. O software do smartphone custa R$ 800,00 às autoescolas, mais uma taxa cobrada por aula. O sistema de monitoramento através do tablet custa R$ 4.000,00, e também possui uma taxa de uso, porém a empresa que desenvolveu a tecnologia aluga o equipamento, e cobra R$ 68,00 por aula. A biometria da digital das aulas práticas que eram registradas na sede da autoescolas, passarão a ser feitas de dentro do carro.

Segundo o presidente do Sindcfc-RN algumas autoescolas do estado oferecem um preço abaixo do ideal justamente por não executarem corretamente as aulas práticas e teóricas. Segundo um estudo feito em 2016 pelo Sebrae RN a pedido do  Sindcfc-RN, o preço do curso de condutores para carro e moto ficaria em torno de R$ 2.000. Atualmente o valor cobrado é em média R$ 1.000,00.

Quem precisa tirar a carteira precisa assistir 45 aulas teóricas, fazer 7 aulas com o simulador e 18 aulas práticas com o veículo em um centro de formação de condutores antes de se submeter ao teste do Detran.

Quanto custa hoje

Valor médio das autoescolas do RN para tirar licenças de carro e motocicleta – R$ 1.000,00

Valor da taxa paga ao Detran RN – carro e motocilceta- R$ 516,00.

Leia Também...

0 comentários