segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018


MULHER TENTA SUICÍDIO COLOCANDO FOGO EM SUA RESIDÊNCIA NA ZONA OESTE DE CAICÓ

Por volta 21:25 desta segunda-feira (05), uma mulher por nome de Jakeline trancou o portão de sua residência e colocou fogo nos móveis da casa  e ficou dentro do imóvel. Equipes dos bombeiros foram acionados e chegando ao local controlaram as chamas e retiraram a vítima de dentro da residência.


Jakeline foi encaminhada para urgência do hospital regional e o seu estado de saúde é consideraro estável.

O fato ocorreu na rua André Sales no bairro Barra Nova.


URGENTE : ASSALTO NA NOITE DESTA SEGUNDA NA ILHA DE SANTANA

Por volta 20:25 desta segunda-feira (05), foi registrado um assalto a mão armada contra uma pessoa que caminhava na entrada da Ilha de Santana. Dois indivíduos armados com uma arma de fogo subtraíram dinheiro e o aparelho celular da vítima e fugiram em uma moto bros de cor preta e sem placa.

Daqui a pouco mais informações

PERDI A CHAVE DO CARRO, E AGORA ?



"Tenha sempre uma ou duas chaves reservas do seu veiculo, assim você evita dor de cabeça e principalmente dor no BOLSO!"

Em Caicó você tem a Caicó Auto Chaves.

Chaves codificadas para automóveis nacionais e importados.

Observação  !!

 
Consertamos módulos de Air Bag e ABS !!

 
Consertamos buzina de toyota hilux e corola em geral !!

Contatos - 84 - 9. 9668-8485

WhatsApp - 84 - 9.9945-5859

MOTOCICLETA COM QUEIXA DE ROUBO É ENCONTRADA ABANDONADA EM CAICÓ

A Polícia Militar foi acionada na manhã desta segunda-feira, (05), devido a denúncia de que havia uma moto vermelha abandonada na Rua Presidente Kennedy no bairro acampamento desde ontem.
Ao chegarem ao local ficou constatada a veracidade do fato, e após consulta através de letras e números do Chassi ficou comprovado que a moto possui queixa de roubo.

A moto se trata de uma Honda/CG 150 Titan Mix KS 2009/2010 vermelha placa NNQ 8939 de Caicó/RN que havia sido roubada por trás de Pedro Motos no mês de janeiro. O veículo foi conduzido para  Delegacia de Polícia Civil de Caicó para os procedimentos cabíveis.

VACINA CONTRA CÂNCER COMEÇARÁ A SER TESTADA EM HUMANOS, E EMOCIONA CIENTISTAS




Pesquisadores da Universidade de Stanford, nos EUA, estão recrutando 15 pacientes diagnosticados com linfoma para que possam participar de um ensaio para uma vacina experimental contra o câncer.


Em experimentos feitos em ratos, a vacina foi capaz de eliminar tumores com pouco a nenhum efeito colateral, segundo informações do Daily Mail.


A equipe, que foi a mesma responsável por desenvolver um dos tratamentos contra o câncer mais utilizados atualmente, a quimioterapia com o medicamento Rituximab, afirmou que a injeção é aplicada diretamente no tumor, desencadeando uma resposta defensiva do corpo e atacando qualquer possibilidade de o tumor se espalhar.


Basicamente, ela é aplicada em uma combinação de dois fatores para que o sistema imunológico seja ativado para combater o câncer. Tendo observado isso em ratos, agora os pesquisadores estão em busca de pacientes com linfoma interessados em participar de um ensaio clínico.


Uma vez que a aplicação é localizada, os cientistas insistem que ela é econômica e improvável de causar efeitos colaterais adversos. “Quando usamos esses dois agentes juntos, observamos a eliminação de tumores em todo o corpo”, disse o médico e professor de oncologia Ronald Levy, principal autor do estudo e funcionário do laboratório que desenvolveu a Rituximab.


“Esta abordagem ignora a necessidade de identificar alvos imunes específicos de tumor e não requer ativação inteira do sistema imunológico ou a personalização das células imunes de um paciente”, explicou ele acrescentando que a vacina poderia funcionar para diferentes tipos de câncer.


Enquanto algumas abordagens buscam estimular todo o sistema imunológico, outras visam áreas específicas do corpo para impedir que o câncer se espalhe. Há também terapias como uma recém-aprovada que usa células T CAR, buscando remover células imunes do corpo para geneticamente modificá-las.


Contudo, embora todas tenham sido utilizadas com sucesso, elas possuem limitações, como o fato de serem difíceis de reproduzi-las, levar tempo para serem administradas e causarem efeitos colaterais adversos no organismo.


“Todos esses avanços de imunoterapia estão mudando a prática médica”, disse Levy. “Nossa abordagem usa uma aplicação única de quantidades muito pequenas de dois agentes para estimular as células imunes dentro do próprio tumor. Nos camundongos, vimos efeitos surpreendentes, incluindo a eliminação de tumores em todo o animal”.


O método funciona reativando as células T específicas do câncer, injetando quantidades de um milionésimo de grama de dois agentes diretamente no local do tumor. Enquanto o primeiro, um curto trecho de DNA, trabalha com células imunes próximas para aumentar a expressão de um receptor ativador na superfície das células T, o segundo, um anticorpo que se liga ao receptor, ativa as células T para atacar as cancerígenas.


Assim, ao injetá-lo diretamente no tumor, é o treinamento específico das células T que reconhece o câncer, uma vez que já estão dentro dele. “Esta é uma abordagem muito direcionada“, explicou Levy. “Somente o tumor que compartilha os alvos proteicos é afetado. Estamos atacando alvos específicos sem ter que identificar exatamente quais proteínas as células T estão reconhecendo”.


Para o experimento, Levy planeja recrutar 15 pacientes diagnosticados com linfoma de baixo grau. Se bem sucedido, ele acredita que o tratamento poderá ser útil para muitos tipos de tumores, incluindo os que se espalham sem ser detectados.

“Eu não acho que haja um limite para o tipo de tumor que poderíamos tratar, desde que tenha sido infiltrado pelo sistema imunológico“, concluiu o pesquisador.

Jornal Ciência com Daily Mail

Onze corpos foram necropsiados no Itep de Mossoró durante o fim de semana



Final de semana violento no interior do Rio Grande do Norte. Destaque negativo para a morte de três mulheres. Entre os casos, está um duplo homicídio no bairro Belo Horizonte. Uma das vítimas era uma jovem cadeirante, de 22 anos.

Segundo o registro do Instituto Técnico-Científico de Perícia “Itep” Unidade Regional de Mossoró que atende a 67 cidades da região, foram registradas pelo menos sete mortes por arma de fogo em Mossoró, principal cidade do interior do estado, uma morte por arma de fogo em Baraúna, acidentes de transito em Mossoró e Alexandria e um enforcamento em Apodi.

O Câmera / Plantão Caicó