Pivô da crise dos laranjas, ministro diz a aliados que deixará governo Bolsonaro

08:21:00

Após ser chamado publicamente de mentiroso pelo presidente Jair Bolsonaro, o ministro Gustavo Bebianno (Secretaria-Geral da Presidência), parece não ter conseguido respaldo para continuar no cargo. Pivô da crise envolvendo denúncias de candidaturas laranjas no PSL, o antes considerado homem de confiança de Bolsonaro participou de uma série de reuniões com outros ministros palacianos nesta sexta-feira (15). E, pelo visto, a saída de Bebianno do governo está próxima.

Segundo reportagem da Folha de São Paulo, Bolsonaro informou a Bebianno que a saída dele será formalizada na segunda-feira (18). Já o ministro, que era presidente do PSL durante a campanha vitoriosa de Bolsonaro, também teria avisado a aliados que deixará o cargo.

A gota d'água para a saída do ministro teria sido o vazamento de diálogos privados entre ele e Bolsonaro. O que foi desmentido pelo presidente e por seu filho, o vereador carioca Carlos Bolsonaro. 

Leia Também...

0 comentários