terça-feira, 5 de fevereiro de 2019


PROMOÇÃO NO 2° LOTE PROMOCIONAL

A maior prévia do Carnaval de Caicó é no próximo dia 10 no Clube Corinthians
.
AldairPlayBoy

Guga Play Boy

Deixa Acontecer

Nv Pesadão

Pontos De Vendas 2° Lote Promocional 70% Dos Ingressos Vendidos Ainda Preço 25,00 Até 2x No Cartão ⬇️⬇️
.
Dgi Net (Boa Passagem)
Loja Garmen Vizinho a Lotérica (Boa Passagem)
Droga Care Na (Barra Nova)
Divo Cabelos Na (Barra Nova)
DADÁ Bijouterias No (Centro) ➡️ Vendas no Cartão ⬅️
CVB Comecial Varejista de Bebidas (Paulo VI)

Secretaria de educação promove jornada pedagógica em Caicó


O secretário municipal de Educação, Cultura e Esportes, Sérgio André, confirmou realização da Jornada Pedagógica no Município de Caicó. O evento terá início na quinta-feira (07), no Centro Administrativo, e prossegue nos dias 11,12 e 13 de fevereiro.

“A Jornada terá como tema: ‘Por uma sala de aula que constrói pontes e fortalece saberes’  e a ideia é que a gente consiga fortalecer essa ação pedagógica no interior das escolas”, destacou Sérgio André. Na quinta-feira (07), a jornada vai reunir os gestores e supervisores, a partir das 8 horas, na sede da SEMECE.

Na segunda-feira (11), o evento terá continuidade no auditório da UFRN, no campus do CERES, com destaque para o tema principal que vai nortear a discussão pedagógica em 2019: “Os desafios a serem vencidos no caminhar da sala de aula”. Também haverá uma mesa redonda sobre a gestão escolar com o plano de metas, currículo e organização da escola.

Nos dias 12 e 13, as escolas estarão reunidas para o planejamento e a reunião administrativa e o início das aulas será no dia 14 de fevereiro, na rede municipal de ensino.

Servidores da saúde do RN começam greve e fazem protesto em Natal


Os servidores da saúde pública do Rio Grande do Norte deflagraram nesta terça-feira (5) uma greve por tempo indeterminado, aprovada em uma assembleia da categoria no dia 24 de janeiro. O início da paralisação foi marcado por uma manifestação em frente à governadoria, no centro administrativo do Estado.

Segundo o sindicato que representa a categoria, a greve é fruto de “constantes ataques que os servidores estaduais vêm sofrendo nos últimos anos”. Entre esses pontos citados por eles, está o parcelamento dos salários de janeiro, que teria gerado revolta dos servidores que estão com os salários de dezembro e o 13º de 2018 ainda atrasados.

“Queremos um calendário de pagamento dos salários, que sejam pagos em dia. E exigimos o pagamento dos salários atrasados”, afirmou Manoel Egídio, coordenador-geral do Sindsaúde.

Ainda de acordo com ele, a greve abrange todo o estado e os serviços nas unidades de saúde estão reduzidos, com apenas 30% do efetivo dos servidores.

Os servidores também protestam contra um decreto governamental publicado em janeiro suspendendo o pagamento e o gozo da licença-prêmio. O decreto foi revogado pelo governo após reunião com o Fórum dos servidores, mas, segundo o sindicato, as direções dos hospitais estão proibido a solicitação da licença.

A saúde é a primeira categoria a iniciar uma greve por tempo indeterminado na atual gestão.

G 1

Armando Ribeiro continua com redução de volume

Mesmo com as últimas chuvas acontecidas no Seridó e no entorno da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, o reservatório continua apresentando redução de volume diariamente.

Hoje o volume está em 483,3 milhões de metros cúbicos ou 20,14% de reserva hídrica. Ontem estava com 484,4 milhões de metros cúbicos ou 20,19%.

Ainda faltam 16,27 metros para que a barragem sangre este ano.

Veículo tem rodas e pneus furtados na madrugada desta terça-feira em Caicó  


Na madrugada desta terça-feira (05), um veículo teve os seus dois pneus e duas rodas traseiras furtadas no Bairro Acampamento em Caicó.

O veículo estava estacionado em frente a residência do proprietário. Provalmente o crime foi praticado por mais de um indivíduo.

Câmeras de segurança podem ajudar na identificação dos acusados do furto.

Fátima diz que o 'rombo' é de R$ 4,3 bilhões no RN



Ontem, segunda-feira (04), Fátima Bezerradeclarou nas suas suas Redes Sociais uma nova conta sobre as finanças do Estado. “Se levarmos em conta também a estimativa de déficit do orçamento do Estado para 2019, que é de R$ 1,8 bilhão, o rombo das contas potiguares somam impressionantes R$ 4,3 bilhões”, disse Fátima.

LK MULTIMARCAS EM CAICÓ


Aqui você encontra grandes novidades para você aproveitar a alta estação!*

Com preços incríveis!

Av. Renato Dantas, 633 centro, por trás do Banco do Nordeste de Caicó.

84 - 9.9927-8030

Instagram: @LKMULTIMARCASCAICO

MP quer policiais militares fora da guarda dos presídios do RN


Ministério Público do Estado quer que os policiais militares que atualmente trabalham na guarda interna e externa dos presídios do Rio Grande do Norte deixem a função e sejam substituídos por agentes penitenciários. Um inquérito civil sobre o assunto foi aberto pelo promotor Wendell Beetoven Ribeiro Agra, da 19ª Promotoria de Justiça de Natal. O secretário de Segurança do RN, coronel Francisco Araújo afirma que o “ajustamento” será feito.

Atualmente, segundo ele, há entre 400 e 500 militares exercendo esse tipo de função e uma companhia da PM voltada exclusivamente para a guarda de presídios potiguares. De acordo com o promotor, entretanto, isso pode ser caracterizado como desvio de função, desde que foi criada uma lei estadual que estabelece a guarda como competência dos agentes penitenciários.

Segundo o secretário de Segurança do Estado, coronel Francisco Araújo, já existe um diálogo com o Ministério Público para que a mudança aconteça, mas ele não estabeleceu prazo para isso. “A Polícia Militar vai deixar essas funções conforme os agentes penitenciários assumam essas atividades”, ponderou.

O G1 procurou a assessoria da Secretaria de Justiça e Cidadania, responsável pela administração das penitenciárias, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria.

“Antes não havia uma carreira de agente penitenciário no estado. Com a instituição da lei complementar 566 de 2016, a competência pela guarda integral do presídio ficou com os agentes. Essa não é atribuição constitucional dos policiais militares”, declarou o promotor ao G1.

Wendell ainda explicou que alguns presídios no estado já não contam com atuação de policiais e que entende que a mudança não pode ser repentina, para garantir a segurança nas unidades.

“Tem que ser uma mudança paulatina. É preciso, antes, dar estrutura e armamento adequado para os agentes”, reforçou. “Isso também não quer dizer que em um caso de necessidade, como uma rebelião, a Polícia Militar não possa agir com o BPChoque ou o Bope, extraordinariamente. Não pode é ser um trabalho ordinário”, acrescentou ele.

Ainda de acordo com o promotor, o inquérito foi motivado em especial pela situação em que se encontram os quadros de policiais militares e de agentes penitenciários. Enquanto a Polícia Militar enfrenta um déficit de policiais e envelhecimento da tropa, a Sejuc conta com equipes renovadas, após nomeações de concursados no ano passado e um quadro quase todo provido.

Com a abertura do inquérito civil, o promotor determinou um prazo de 15 dias para receber as seguintes respostas da Sejuc e da PM:

– A Sejuc deve informar todos os estabelecimentos penais estaduais que ainda têm policiais militares executando atividades de vigilância interna e externa, inclusive nas muralhas e guaritas e o número atualizado de cargos de agente penitenciário, esclarecendo quantos estão ocupados e vagos.

– O comandante-geral da Polícia Militar, deve responder a quantidade de policiais militares que atualmente estão designados para ordinariamente exercer atividades de guarda externa em estabelecimentos penais, em todo o Estado, informando as unidades militares a que estão subordinados. Além disso, o número total de cargos providos e vagos na carreira de praças da PMRN.

G1