sexta-feira, 20 de setembro de 2019


PREFEITO BATATA PARTICIPA DE REUNIÃO NO IDEMA E DISCUTE PROJETOS IMPORTANTES PARA CAICÓ


Nesta sexta-feira (20), o prefeito de Caicó, Robson de Araújo (Batata) cumpre agenda administrativa em Natal. Em reunião com técnicos e o diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema), o consultor ambiental Leonlene Aguiar, o prefeito Batata discutiu sobre projetos relacionados ao lixão (aterro sanitário), abatedouro municipal e o novo cemitério para Caicó. O secretário municipal do Meio Ambiente, Emmanuel Sabino também esteve presente na reunião.

Sobre o lixão, o prefeito Batata destaca que o município está articulando o retorno das atividades operacionais para mitigar os problemas que existem no lixão e a construção de um aterro controlado até que o aterro sanitário gerenciado pelo Consórcio dos Municípios do Seridó comece a entrar em atividade.

A construção de um novo cemitério para Caicó também esteve na pauta da reunião e ficou agendado outro encontro para a próxima semana com a equipe da prefeitura de Caicó (Meio Ambiente) e a direção do IDEMA, para discutir o projeto a ser executado para a viabilidade da obra. “A construção de um novo cemitério é uma obra importante para o município de Caicó, tendo em vista que é uma necessidade atual da cidade, já que os atuais cemitérios Campo Jorge e São Vicente e Paulo já estão com a sua demanda alcançada”, afirmou Batata.

Com relação ao matadouro foi discutida a revitalização do mesmo, onde o Município de Caicó vai procurar a revitalização para a continuação dos trabalhos naquele local ou até mesmo viabilizar a construção de outro matadouro em outra localidade do município. Com isso, a prefeitura está buscando o corte de gastos e a melhor solução possível para o funcionamento do matadouro público municipal.

Suspeito de participar da morte de estudante se entrega

Um dia após ser preso e ter conseguido fugir durante diligência da Polícia, Eudes Leonardo de Lima, 19 anos, se entregou à Polícia. “Neguinho”, como é conhecido, foi preso na quarta-feira (18) após ter participado de assalto que resultou na morte do estudante Arthur Lima de Oliveira, 18 anos.

Na quinta-feira (19), ao ser levado pela Polícia numa diligência que tinha como objetivo encontrar o segundo envolvido na morte, Eudes Lima conseguiu fugir. A fuga aconteceu na comunidade Passo da Pátria, Zona leste de Natal.

Nesta sexta-feira (20), ele resolveu se entregar à Polícia. “Neguinho” acabou de chegar à Central de Audiências de Custódia onde seu caso será analisado e um juiz decidirá se ele fica preso ou será liberado para responder em liberdade.

Arthur Lima de Oliveira morreu após ser baleado por um suspeito de assalto na tarde da quarta-feira (18). O caso ocorreu na Avenida Coronel Estevam, no bairro Alecrim, Zona Leste de Natal.

Por volta das 14h, dois suspeitos assaltaram uma loja na região. Cerca de nove pessoas estavam no estabelecimento e foram ameaçadas pela dupla, que roubou celulares e outros pertences.

Na saída do local, Arthur tentou seguir os suspeitos, acabou atingido por um tiro e morreu na calçada próxima à loja, que pertence a seu pai. “neguinho” foi preso por judocas que treinavam numa escola que ele entrou na intenção de se esconder.

Suspeita de participar de assalto que terminou com morte de PM catarinense em Natal é apreendida


Foto: Reprodução/ NSC TV.

Por G1 RN — A Polícia Militar apreendeu nesta quinta-feira (19) uma adolescente suspeita de ter participado do assalto que terminou com a morte da soldado Caroline Pletsch, de 32 anos, da PM de Santa Catarina. O crime ocorreu numa pizzaria na Zona Norte da cidade em março de 2018. Ela passava férias em Natal com o marido, que foi ferido na ação.

A apreensão da adolescente foi feita pelos policiais da Força Tática do 4º Batalhão da Polícia Militar na Zona Norte da cidade. Na época do crime, a jovem apreendida tinha 16 anos. A jovem, que tinha um mandado de apreensão emitido contra ela, foi encaminhada para a Delegacia Especial de Atendimento ao Adolescente (DEA).

A adolescente é uma das cinco pessoas envolvidas no crime, segundo o que apontam as investigações. Antes dela já havia sido indiciado e preso no dia 28 de março deste ano o casal Raissa Torres Lima de Souza e Wewerton Lenário Gomes da Silva, pelos crimes de latrocínio consumado (roubo seguido de morte) e latrocínio tentado, além de João Victor da Silva Pereira, que foi preso no dia 11 de abril de 2018.

Outro envolvido no caso, o adolescente Mateus da Silva Régis, de 17 anos, morreu no dia 15 de agosto do ano passado ao trocar tiros com policiais militares durante o sequestro do filho do ex-prefeito de Lajes e hoje deputado federal Benes Leocádio, crime também ocorrido na Zona Norte de Natal. No confronto, o filho do parlamentar, Benes Leocádio Júnior, de 16 anos, também acabou morto.

O crime
A soldado Caroline Pletsch e o sargento Marcos Paulo da Cruz residiam na cidade de Chapecó, em Santa Catarina, e estavam de férias em Natal. Eles lanchavam em uma pizzaria no conjunto Parque das Dunas, na Zona Norte da cidade, quando foram surpreendidos por dois assaltantes. Houve luta corporal e o sargento acabou baleado duas vezes. Já Caroline, levou um tiro no peito ao tentar separar a briga.

Vizinhos da pizzaria prestaram os primeiros socorros, mas a soldado não resistiu ao ferimento. Marcos ainda passou 19 dias internado antes de retornar para Santa Catarina.

Após os disparos, segundo as investigações, os dois criminosos teriam fugido com a ajuda de Raissa e Wewerton. “O casal, e mais a adolescente de 16 anos, estavam em um carro estacionado próximo da pizzaria, e foram eles que planejaram o assalto”, explicou na época o delegado Rysklyft Factore, que presidiu o inquérito.

MULHER É PEESA NO RN POR AGREDIR A PRÓPRIA MÃE DE 76 ANOS

Uma mulher de 58 anos foi presa nesta quinta-feira (19) no bairro Cidade Nova, em Natal, por agressões contra a própria mãe, que tem 76 anos. A Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso (Depi) recebeu denúncia anônima que mostrava um vídeo em que a idosa sofria diversas agressões da filha. 

Segundo a Polícia Civil, a filha pode ser denunciada no inquérito em crimes como lesão corporal, com o agravante de ser familiar, maus tratos e cárcere privado. Na delegacia, a senhora de 76 anos estava bastante debilitada e tinha vários hematomas no corpo. A idosa vai ser encaminhada para uma casa de acolhimento.

Vencedores do bolão da Mega-Sena vão fazer doações para a Vigília Lula Livre


Vencedores do bolão da liderança do PT na Câmara pretendem fazer doações para a Vigília Lula Livre, em Curitiba. O dinheiro da Mega-Sena, no entanto, não deve ser usado pelos novos milionários para viver de renda. A maior parte diz que não vai largar o emprego.

Em meio a piadas e memes, quem não participou do bolão tenta encarar a situação com bom humor. “Paciência. Tem que trabalhar a cabeça para prevalecer a alegria pela sorte da galera”, afirma Rogério Tomaz, coordenador da comunicação da liderança do PT e um dos que não ficaram ricos.

PAINEL FOLHA