Irã admite ter derrubado avião ucraniano com míssil em ato ‘não intencional’

07:58:00



O Irã admitiu na madrugada deste sábado, 11, que seus militares derrubaram “não intencionalmente” o avião a jato ucraniano que caiu logo após decolar na última quarta-feira, 8, matando todos os 176 a bordo. As informações são das agências Estadão Conteúdo e Reuters.

A declaração culpa um “erro humano” pela queda. A aeronave foi abatida na quarta-feira, 15 horas depois que o Irã lançou um ataque de míssil balístico em duas bases no Iraque, onde havia militares dos EUA, em retaliação pelo assassinato do general iraniano Qassim Suleimani em um ataque de drone em Bagdá. Ninguém foi ferido no ataque às bases.

O avião, a caminho da capital ucraniana de Kiev, levava 167 passageiros e nove tripulantes de vários países, incluindo 82 iranianos, 57 canadenses e 11 ucranianos, segundo autoridades.


Leia Também...

0 comentários