Azul tem prejuízo de R$ 2,9 bi com impacto da pandemia e câmbio

15:37:00

A companhia aérea Azul registrou um prejuízo de R$ 2,9 bilhões no 2º trimestre deste ano, ante um lucro de R$ 351,6 milhões em igual período de 2019.⠀
O resultado foi fortemente afetado pelas medidas de isolamento social, além do efeito cambial.⠀
Em termos ajustados, o prejuízo foi de R$ 1,5 bilhão, ante lucro ajustado de R$ 110,1 milhões na base de comparação anual.⠀
“O segundo trimestre de 2020 foi, sem dúvida, o mais desafiador da história da aviação”, afirmou o presidente da companhia aérea, John Rodgerson, no material de divulgação do balanço.⠀
A receita líquida, por sua vez, foi de R$ 401,6 milhões, um tombo de 84,7% no comparativo anual.⠀
 ⠀
Já o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, na sigla em inglês) ficou negativo em R$ 324,3 milhões, ante resultado positivo de R$ 733,2 milhões entre abril e junho de 2019.⠀

@plantaocaico 

Leia Também...

0 comentários