Diretor do Butantan diz que Ministério da Saúde fará aquisição de vacina chinesa feita em São Paulo

19:37:00


O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, participou de reunião com o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, nesta quarta-feira (26).

Após o encontro, em declaração à imprensa, Covas afirmou que o governo Bolsonaro fará aquisição das vacinas produzidas em São Paulo.

O governo João Doria (PSDB) desenvolve e testa o imunizante em parceria com o laboratório chinês Sinovac Biotech.

O objetivo da reunião foi negociar o investimento de R$ 1,9 bilhão para produção de 120 milhões de vacinas no estado.

O valor é igual ao que já foi repassado pelo Executivo federal à Fiocruz, que produzirá vacina desenvolvida pela universidade de Oxford, na Inglaterra.

“Quando nós ofertamos a vacina ela terá, obviamente, um custo e isto o ministro garantiu que vai, seguramente, colocar na pauta do programa nacional de imunização”, declarou Covas.

Após ser questionado pelos repórteres se o ministro se comprometeu com esses valores, Covas disse que “na realidade ele disse que fará a aquisição das vacinas”.

O Ministério da Saúde ainda não se manifestou sobre o assunto.

@plantaocaico 

Leia Também...

0 comentários