São Paulo investiga 15 casos de reinfecção pelo coronavirus

13:59:00



Quinze casos suspeitos de reinfecção pelo novo coronavírus estão sendo investigados em São Paulo. O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina, que no início do mês acompanhava dois casos do tipo, agora passou a acompanhar sete pessoas, e montou um laboratório para se dedicar aos estudos. O HC de Ribeirão Preto, no interior do estado, investiga oito pacientes com suspeita de reinfecção.

Nesta segunda-feira, cientistas de Hong Kong reportaram o primeiro caso confirmado de reinfecção pelo vírus. Trata-se de um homem de 33 anos, que contraiu Covid-19 em abril e depois testou positivo novamente em agosto.

A discussão sobre a suspeita de reinfecção em pacientes em São Paulo cresceu há duas semanas, com o relato de uma técnica de enfermagem de Ribeirão Preto. Ela apresentou os sintomas da Covid-19 em maio, data em que foi realizado o primeiro exame RT-PCR. O resultado deu negativo, mas, como os sintomas persistiram, o exame foi repetido no nono dia, confirmando a presença do vírus. No 10° dia, os sintomas desapareceram. No entanto, em 27 de junho, 38 dias depois, a paciente voltou a apresentar sintomas. Apesar de relatos diferentes, o novo RT-PCR deu positivo novamente.

Para Nancy Bellei, infectologista da Unifesp e coordenadora do laboratório que testa voluntários brasileiros para a vacina de Oxford, a publicação científica de um caso de reinfecção por Covid-19 não invalida os atuais estudos em andamento sobre imunizantes.
"Ter uma documentação sobre reinfecção era algo esperado, considerando o padrão do vírus respiratório. Isso não diminui o impacto que a vacina possa ter em termos de saúde pública".

O Globo - @plantaocaico 

Leia Também...

0 comentários