Vilarejo na Itália oferece até US$ 52.500 para quem se mudar para lá

outubro 28, 2020

Um pequeno e encatador vilarejo na Itália está oferecendo a chance de quem um dia já sonhou em morar em outro país e não teve condições.

A proposta feita recentemente pela prefeitura de Santo Stefano di Sessanio, está oferecendo até US$ 52.500 para pessoas que concordarem em se mudar, trabalhar na região e até abrir um negócio.

Sobretudo, a ação tem como objetivo manter vivo o vilarejo tendo em vista que a região possui apenas 115 habitantes e população majoritariamente envelhecida.

Santo Stefano di Sessanio é uma vila medieval que fica a 1.250 metros acima do nível do mar, dentro do parque nacional Gran Sasso e Monti della Laga, localizada no lado leste do centro-sul da Itália.

Para quem se interessar, existe alguns requisitos. Para ser apto a proposto, os candidatos precisam ter pelo menos 18 anos, porém, não mais que 40. Também necessitam ser residentes da Itália ou da União Europeia (ou ter a capacidade de se tornar um).

Quem optar pela nova vida deve saber que precisará permanecer no vilarejo por, no mínimo, 5 anos.

Conforme apurado pela CNN, o conselho municipal pagará aos novos residentes uma taxa mensal por três anos, até um máximo de 8 mil euros (cerca de R$ 52 mil) por ano.

E quem desejar abrir um negócio na cidade poderá receber uma contribuição única de até 20 mil euros (R$ 132 mil). Os residentes também receberão uma propriedade para morar por um aluguel de valor simbólico.

Desde que a proposta foi divulgada, no dia 15 de outubro, cerca de 1.500 pessoas já se inscreveram para participar do programa. A concorrência é grande, pois o município quer manter o número de novos habitantes para cerca de 10 pessoas, ou 5 casais apenas.

@plantaocaico 

Leia Também...

0 Comments