sábado, 6 de junho de 2020


Confirmado 11 novos casos de Covid-19 neste sábado (06), em Caicó




A Secretaria Municipal de Saúde, divulga o Boletim Epidemiológico de Casos de Covid-19 no Município.
Mais ONZE novos casos confirmados no dia de hoje (06.06.2020).

108- Mulher de 43 anos Residente no bairro penedo, TR em serviço  privado, isolamento domiciliar.

109-Homem de 71 anos, Residente no bairro penedo, TR em serviço  privado, em isolamento domiciliar.

110-Mulher de 39 anos, Residente no bairro Barra nova, TR em serviço  privado, em isolamento domiciliar.

111- Mulher de idade nao informada, Residente no bairro Penedo,TR em serviço privado, em isolamento domiciliar.

112- Homem de 77 anos, Residente no bairro Centro,TR em serviço  privado, em isolamento domiciliar.

113- Mulher de 51 anos, Residente no bairro Boa Passagem, TR em serviço privado, em isolamento domiciliar.

114- Mulher de idade nao informada, Residente no bairro Canutos e Filhos, TR em serviço privado, em isolamento domiciliar.

115- Mulher de 38 anos, Residente no bairro Castelo Branco, TR em serviço  privado,em isolamento domiciliar.

116- Mulher de 63 anos, Residente no bairro Itans, TR em serviço  privado, em isolamento domiciliar;

117- Mulher de 51 anos, Residente no bairro Centro, TR em serviço  privado, em isolamento domiciliar

118- Homem de 57 anos, Residente no bairro Barra Nova, TR em serviço privado, em isolamento domiciliar.

@plantaocaico 

Hospital Regional do Seridó recebe 8 ventiladores mecânicos


O Hospital Regional do Seridó recebeu nesse sábado (06), 8 ventiladores mecânicos da SESAP-RN,  fruto da parceria com o Ministério da Saúde.

Os equipamentos ja foram montados e instalados,  sendo ampliado a capacidade de leitos intensivos ( UTI) no serviço.

O Hospital passou a dispor de 40 leitos para pacientes com suspeita ou confirmacao de covid-19, sendo 27 de UTI e 13 clínicos.

@plantaocaico 



Casos de Covid-19 no mundo atingem mais de 7 milhões



Os casos de Covid-19 no mundo superaram a marca dos 7 milhões neste sábado (total de 7.005.607), com salto no número de ocorrências no Brasil e na Índia, segundo dados da Reuters.

Cerca de 30% destes casos, ou 2 milhões de infecções, estão nos Estados Unidos. A América Latina tem o segundo maior número, com 15% dos casos.

No mundo, as mortes causadas pelo novo coronavírus se aproximam de 400 mil (total em 396.393). Os EUA contam cerca de 25% das mortes, mas na América do Sul o registro tem rapidamente crescido, puxado pelo Brasil.

O número de mortes vinculadas à Covid-19 em cinco meses no mundo é agora igual ao número de pessoas mortas anualmente por malária, uma das doenças infecciosas que mais matam.

A primeira morte por Covid-10 foi registrada em 10 de janeiro, em Wuhan, na China. Em abril, o número de mortos já superava 100 mil, segundo levantamento da Reuters com base em dados oficiais de governos ao redor do mundo. A doença precisou de 23 dias para sair de 300 mil para 400 mil mortes.

Os EUA são o país com maior número de mortos de Covid-19, quase 110 mil. Mas o Brasil está rapidamente alcançando e poderá superar o Reino Unido ao registrar o segundo maior número de mortes pelo novo coronavírus no mundo.

@plantaocaico 


Bolsonaro diz que Brasil pode romper com a OMS




O presidente da República Jair Bolsonaro fez críticas ao trabalho da Organização Mundial da Saúde (OMS) na pandemia e disse que o governo pode deixar a organização, que atuaria, segundo ele, "com viés ideológico". No fim de maio, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou a saída do país da OMS, congelando repasses que o governo norte-americano faria à entidade. "E adianto aqui, os Estados Unidos saíram da OMS, e a gente estuda, no futuro, ou a OMS trabalha sem viés ideológico, ou vamos estar fora também. Não precisamos de ninguém de lá de fora para dar palpite na saúde aqui dentro", disse Bolsonaro a jornalistas na portaria do Palácio da Alvorada, na noite desta sexta-feira, 5. O Brasil é visto internacionalmente como exemplo negativo de combate ao coronavírus. Aliado de Bolsonaro, Donald Trump criticou as decisões do país nesta sexta-feira.

@plantaocaico 

Caicoense morre por Covid-19 em Mossoró


A caicoense Priscila Ingrid de 33 anos faleceu por Covid-19 na madrugada deste sábado (06), em Mossoró.  Atualmente a jovem residia em Areia Branca e sua família reside no Bairro Barra Nova em Caicó.

A caicoense estava gestante quando testou positivo para Covid-19 e os médicos conseguiram fazer o parto e salvar o bebê.

@plantaocaico