O patrulheiro federal Jade Diniz, conhecido da vítima, reconheceu o veículo no posto da PRF na cidade de Milagres, seguindo-o até a abordagem.

De acordo com os patrulheiros envolvidos na ação, o condutor do veículo disse também ter sido vítima, e que já tinha adquirido o carro de terceiros.

O veículo seria agora trocado em uma casa, mas para a polícia do Ceará, trata-se de um grupo criminoso que age dentro e fora do Estado cearense.

@plantaocaico