sexta-feira, 16 de outubro de 2020


Em Pau dos Ferros/RN: Cigarros contrabandeados são apreendidos pela PRF na BR 405


A Polícia Rodoviária Federal apreendeu, na tarde desta quinta-feira (15/10), no km 147 da BR 405, em Pau dos Ferros/RN, uma carga de cigarros contrabandeados e prendeu um homem de 64 anos.
Os cigarros foram adquiridos na cidade de Francisco Dantas/RN, de terceiro não informado, que trazia a mercadoria para as cidades circunvizinhas.
A carga foi localizada no interior de um veículo do tipo Gol, cor vermelha, totalizando 9.600 maços. A ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil local.

#prfrn - @plantaocaico 

Urgente : Vigilante é ferido a bala na noite desta sexta-feira (16), próximo ao matadouro municipal de Caicó




Um vigilante identificado por Rogério, conhecido por "Lolota", foi ferido a bala por volta 21:00 horas desta sexta-feira (16), próximo ao matadouro público que fica no Bairro Walfredo Gurgel, zona oeste de Caicó.

A vítima foi atingido no abdómen e foi socorrido para o Hospital Regional do Seridó por policiais militares.

Os criminosos fugiram em direção ao Rio Seridó
Daqui a pouco mais informações!


Confirmado 22 novos casos de Covid-19 e 22 pessoas recuperadas nesta sexta-feira (16), em Caicó



Nesta sexta-feira (16), a Secretaria Municipal de Saúde vem por meio desta divulgar o registro de VINTE E DOIS novos casos de COVID-19 no município, sendo TODOS comunitários.

Comunicamos também a recuperação de VINTE E DOIS pessoas na comunidade.

Com relação aos casos de hoje, 13 são do sexo feminino e 09 masculinos. Destes 03 criança.

Os casos residem:
04- Paraíba;
01- João XXIII;
02-Zona Rural;
01- Castelo Branco;
01- Alto da Boa Vista;
01- Nova Descoberta;
03-Walfredo Gurgel;
02- Maynard;
03- Boa Passagem;
01- Canutos e Filhos
01- Itans;
01- Penedo;
01- Nova Caicó.

Destes 08 foram confirmados por TR e 14 por RT-PCR.

@plantaocaico 

Brasil registra 754 óbitos e 30 mil casos de Covid-19 nas últimas 24 horas


O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta sexta-feira (16):

Registro de 754 óbitos nas últimas 24h, totalizando 153.214 mortes;

Foram 30.914 novos casos de coronavírus registrados, no total 5.200.300 pessoas já foram infectadas.

O número total de recuperados do coronavírus é 4.619.560, com o registro de mais 20.114 pacientes curados. Outros 427.526 pacientes estão em acompanhamento.

@plantaocaico 


Beneficiarios do INSS têm o fim de novembro para realizar prova de vida


Beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que ainda não realizaram a prova de vida não terão os proventos afetados até o fim de outubro. Mas atenção: a data limite para realização da comprovação termina no final de novembro.

O prazo do processo de recadastramento anual já foi prorrogado anteriormente como medida de segurança de contágio da Covid-19 uma vez que os beneficiários são, em sua maioria idosos e considerados mais vulneráveis. O INSS poderá prorrogar novamente os prazos enquanto durar o estado de emergência devido à pandemia da Covid-19.

@plantaocaico 

Homem morre eletrocutado tentando retirar fio de cobre de um transformador de energia em Mossoró


Um homem, ainda sem identificação morreu na manhã de sexta-feira, 16 de outubro, tentando retirar fio de cobre de um transformador de energia elétrica, no bairro Nova Betânia em Mossoró no RN.

O corpo ficou perdurado no transformador, localizado ao lado do Big Bom preço, na Avenida José Damião, sendo necessária a intervenção de profissionais da Companhia de eletricidade desligar toda a rede para retirar o corpo. Segundo a policia a vitima estava tentando roubar material para vender quando sofreu a descarga elétrica.

@plantaocaico 

Brasil investiga pelo menos possíveis 93 casos de reinfecção pela Covid-19


Levantamento da CNN junto a hospitais, governos estaduais e prefeitura identificou ao menos 93 casos investigados para a possibilidade de uma reinfecção pela Covid-19.

O Ministério da Saúde não confirma nenhum caso até o momento. Em nota, a pasta afirma que ser infectado novamente pelo novo coronavírus é “um evento raríssimo, que precisa ser investigado com a máxima cautela”.

Estão sendo tratados dessa forma casos em que um paciente testou positivo para o novo coronavírus em alguma oportunidade, chegou a testar negativo — estando, em tese, curado — e em um segundo momento veio a ser diagnosticado com a doença novamente.

Há, entre todos os citados no Brasil, casos com diferentes graus de documentação. Em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, um estudo da USP identificou o caso de uma técnica de enfermagem de 24 anos que teria testado positivo duas vezes em momentos diferentes.

Em outra cidade do interior paulista, Santa Bárbara d’Oeste (SP), a possível reinfectada é a própria secretária da Saúde, Lucimeire Rocha. Segundo a Prefeitura, Lucimeire contraiu a Covid-19 em maio, teve alta e voltou a ser diagnosticada para a doença no final de julho.

O estado do Ceará anota seis casos, todos em profissionais da saúde. Segundo o governo, os diagnósticos foram feitos com uma diferença de 47 a 75 dias e estavam baseados em amostras do teste RT-PCR.

O local que mais investiga casos no momento é o Hospital das Clínicas de São Paulo, onde 28 possíveis reinfecções são acompanhadas.

CNN BRASIL - @plantaocaico 



Estudos apontam que pessoas com tipo sanguineo O têm menos risco de contaminação por Covid-19


Dois estudos publicados na revista Blood Advances nesta quarta-feira, 14, apontam que pessoas com o tipo sanguíneo O podem ser menos vulneráveis à infecção pela Covid-19 e têm uma probabilidade reduzida de desenvolver a forma mais grave da doença. As razões para essa relação ainda não são claras, mas muitas pesquisas apontam para essa direção. Os seres humanos podem se enquadrar em um dos quatro grupos sanguíneos: A, B, AB ou O. No Brasil, 87% da população tem sangue tipo A e O. Uma das pesquisas publicadas é dinamarquesa e descobriu que, entre 473.654 pessoas que foram testadas para novo coronavírus, apenas 38,4% com sangue tipo O tiveram o resultado positivo. Em outro estudo, do Canadá, entre 95 pacientes gravemente afetados pela doença, 84% com sangue tipo A ou AB precisou de ventilação mecânica, número superior ao do grupo do tipo O ou B que foi de 61%.⁠

@plantaocaico 

12 milicianos são mortos em troca de tiros com PRF e Polícia Civil do RJ

A força-tarefa da Polícia Civil, criada para combater a ação de milícias na Baixada Fluminense, realizou mais uma ação, nesta quinta-feira. Desta vez, o grupo, em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), interceptou um comboio de milicianos na altura do posto da PRF da Rio-Santos, em Itaguaí. Na ação, policiais da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE), em ação conjunta com e da PRF, foram atacados pelos suspeitos, que portavam fuzis, metralhadoras e pistolas.

De acordo com delegado Rodrigo Oliveira, subsecretário de Planejamento e Integração Operacional da Polícia Civil, o comboio era formado por milicianos ligados a Danilo Dias Lima, o Danilo Tandera. Eles vinham sendo monitorados há cerca de 15 dias pelo serviço de inteligência da força-tarefa, que apurou a frequente movimentação de criminosos em uma rota que liga a Zona Oeste à Baixada.

— Antes de chegar à PRF, tem um desvio. Para não passar em frente ao posto, eles desviavam por essa via secundária. Chegamos a montar quatro ou cinco operações dessas, mas só hoje aconteceu. Na hora que eles pegaram a bifurcação, nós fechamos a via secundária e eles ficaram encurralados — relata Oliveira.

O delegado conta ainda que o primeiro tiro partiu do bando, e um policial da Core foi atingido, mas foi protegido pelo colete balístico. A partir desse momento, o confronto começou. Onze homens ligados ao Tandera foram mortos no local. O 12º chegou a ser socorrido, mas também não resistiu. Ainda segundo Oliveira, nenhum suspeito fugiu.

— Eu afirmo com absoluta convicção que estamos no caminho certo —, avaliou o subsecretário sobre a atuação da força-tarefa contra a milícia.

Na ação foram apreendidos cinco fuzis, três metralhadoras foram apreendidos, além de pistolas, munição, uma granada, aparelhos de comunicação e os quatro carros que faziam parte do comboio.

O GLOBO - @plantaocaico