Laboratórios particulares preveem imunizar 500 mil brasilienses contra Covid

janeiro 05, 2021


Apesar de a Anvisa ainda não ter autorizado a aplicação de qualquer imunizante contra a Covid-19 no Brasil, os laboratórios particulares do Distrito Federal já se preparam para a futura demanda. Segundo o Sindicato dos Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Distrito Federal (Sindilab-DF), desde já as instituições com capacidade para lidar com as vacinas estão comprando seringas e agulhas, refrigeradores para armazenamento e abrindo novas salas de imunização. “Os laboratórios estão se preparando de forma estratégica, pois sabem que a ação deles é fundamental. O governo federal tem prioridade, mas inevitavelmente a iniciativa privada vai atuar de forma complementar”, explicou o presidente do Sindilab-DF, Alexandre Bitencourt. Segundo a organização, os laboratórios do DF esperam suprir uma demanda de 1 milhão de doses de vacina contra a Covid-19, divididas em duas etapas de imunização. No total, seriam 500 mil brasilienses protegidos contra a doença. Na capital do país, apenas quatro instituições privadas lidam com vacinas: são os laboratórios Sabin, Exame, Fleury e Central de Exames de Brasília. 

#Metropoles.com - @plantaocaico 

Leia Também...

0 comentários