Nubank tem prejuízo de R$ 230 mi em 2020; número de clientes sobe a 33 mi

abril 12, 2021


Nubank registrou prejuízo líquido de R$ 230 milhões em 2020, número 26% melhor que o rombo de R$ 312 milhões no ano anterior. As receitas de intermediação financeira cresceram 79%, a R$ 5 bilhões.

Em um post no blog do banco, o diretor financeiro, Guilherme Lago, diz que o crescimento das receitas mostra que o resultado operacional vem melhorando.

“Mas por que o Nubank continua dando prejuízo? Já explicamos, mas é sempre bom reforçar: o prejuízo é uma decisão de negócio. Escolhemos, agora, seguir investindo a margem que geramos em times, serviços e produtos, em vez de já realizar lucro. Podemos gerar lucro a qualquer hora, mas, neste estágio da nossa empresa, queremos seguir crescendo junto com os nossos clientes”, afirma.

Em número de clientes, o Nubank chegou a 33 milhões, um crescimento de 68%, com cerca de R$ 29 bilhões em depósitos. As transações no cartão de crédito cresceram 49%, a R$ 95 bilhões. O banco diz ainda que emprestou mais de R$ 1 bilhão e que tem 28 milhões de chaves cadastradas no sistema de pagamentos instantâneos Pix, ou quase 20% de todas as chaves do país. O índice de inadimplência caiu para 3,7%, de 4,4% em 2019.

No ano passado, o Nubank fez três grandes aquisições, da Easynvest, da empresa norte-americana Cognitect e da plataforma de tecnologia Plataformatec.

📲 @plantaocaico 


Leia Também...

0 Comments