Com o aumento sucessivo do preço da gasolina, Rio Grande do Norte perde 25% dos motoristas por aplicativo

agosto 30, 2021


🚘 De acordo com estimativas da Associação dos Motoristas Autônomos por Aplicativos do Rio Grande do Norte (AMAPPRN), o número de motoristas por aplicativo em operação no Rio Grande do Norte teve queda de 25% nos últimos 10 meses. Segundo a associação, em outubro de 2020, eram 8 mil profissionais em operação no Estado. De lá para cá, 2 mil encerraram as atividades. As informações foram destacadas neste domingo, em matéria do jornal Tribuna do Norte.

Segundo a Amapp/RN, 12 mil é o número de motoristas por aplicativo cadastrados no Rio Grande do Norte, uma vez que, ao encerrarem suas atividades, os profissionais podem continuar mantendo o cadastro nas plataformas. Na avaliação da associação, o aumento de gastos para os motoristas, relacionados especialmente aos constantes aumentos no preço dos combustíveis, são os responsáveis pela diminuição do número de trabalhadores em atuação, segundo a Amapp/RN.

“Avaliamos que, em função do cenário atual, com os altos custos dos insumos – principalmente os combustíveis – e sem nenhum reajuste nas remunerações desde que aplicativos como Uber e 99 iniciaram as operações em Natal, os motoristas buscaram outras possibilidades de trabalho e renda”, disse o presidente da Associação, Evandro Henrique Roque Pereira. 

🔵 @plantaocaico 

Leia Também...

0 Comments