Caicó registra 11 novos casos de Covid-19 e mais um óbito neste sábado (16).


A Secretaria Municipal de Saúde vem por meio desta divulgar o registro de 11 ( ONZE) novos casos de COVID-19 no município.
Com relação aos casos de hoje, foram  05 homens e  06 mulheres, destes 01 criança.
Os casos residem: 

01 - Boa Passagem;
05 - Centro;
01- Castelo Branco;
01- Dracy Fonseca;
01- Maynard;
01- Penedo;
01-Vila Altiva.                                                                                                                                
 Destes 01 foi confirmado por TR e 10  por RT-PCR.

Comunicamos o 72º (SEPTUAGÉSIMO SEGUNDO) ÓBITO  do município de Caicó ocorrido no dia 16 de janeiro de 2021, na Casa de Saúde São Lucas, Natal - RN. Trata-se de um homem de 77 anos com comorbidade, residente no bairro Penedo.
Reforçamos a importância das medidas preventivas, como distanciamento social, etiqueta respiratória, higienização das mãos e uso de máscara quando precisar sair de casa.

@plantaocaico 

Butantan vai cancelar acordo com mais de 180 cidades para fornecer Coronavac


butantan vai cancelar acordo com mais de 180 cidades para fornecer coronavac 6001bde5ec692 Butantan vai cancelar acordo com mais de 180 cidades para fornecer Coronavac

O Instituto Butantan deve comunicar na próxima segunda-feira (18) que todos os acordos com cidades estão cancelados. Segundo o presidente do instituto, Dimas Covas, todas as doses da Coronavac serão entregues ao Ministério da Saúde assim que a Anvisa aprovar o uso emergencial ou o registro da vacina.

Segundo noticiou a CNN, a agência discute neste domingo (17) o pedido para que as 6 milhões de doses já prontas do imunizante sejam autorizadas para o uso de grupos específicos no país.

Cerca de 184 municípios estavam interessado em adquirir diretamente a Coronavac, dentre eles Curitiba, Belo Horizonte e o Rio de Janeiro. Na Bahia, cidades como Amargosa, Itaberaba, Vera Cruz e Mutuípe anunciaram a assinatutra de acordos junto ao instituto paulista. Estas doses agora serão distriuídas por meio do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

“O critério é populacional. Todos os estados vão receber da mesma maneira. O acordo com os municípios era para o caso de o Ministério se recusar a comprar a vacina, mas como firmamos a parceria isso não vai acontecer”, disse Dimas Covas.

🔵 @plantaocaico 🔵


Morre em Natal o médico caicoense João Tarcísio



Faleceu neste sábado (16), no Hospital São Lucas, em Natal, onde estava internado na UTI com Covid-19, o médico João Tarcísio de Sena.

Era ortopedista e médico do trabalho e trabalhou por muitos anos no Cerest em Caicó.


@plantaocaico 



Gustavo Lima freta avião cargueiro para enviar oxigênio para Manaus


Um avião cargueiro foi enviado para Manaus com 150 cilindros de oxigênio, cada um com 50 litros de oxigênios doados pelo cantor sertanejo Gustavo Lima. Ele fretou um Boeing, que saiu de Goiânia (GO), para levar a carga para Manaus. Gustavo é apenas um dos artistas que está fazendo uma intensa mobilização para tentar ajudar o Amazonas na crise pela falta de oxigênio. Também estão fazendo doações os humoristas Whindersson Nunes, Tirulipa, Tom Cavalcante, Tatá Wernek, a apresentadora Xuxa Meneghel, o ator Bruno Gagliasso, dentre muitos outros. Em stories no seu perfil do Instagram, Gustavo disse que mandou para Manaus a quantidade de cililndros que coube dentro do boeing. Ele disse ainda que a distribuição dos cilindros em Manaus será feita pela empresária Bete Dezembro, a quem agradeceu pelo apoio e parceria. Na última quinta-feira (14), o oxigênio acabou em várias unidades de saúde da capital, levando à morte muitos pacientes que estavam internados.
🔴 @plantaocaico 🔴


Energia solar cresce 70% no Brasil apesar da pandemia e espera 2021 positivo


A indústria de energia solar está radiante. Ela conseguiu bater recordes em 2020, enquanto alguns setores da economia tiveram dificuldades por causa da pandemia. A instalação de painéis solares cresceu 70% no ano passado, gerando 7,5 gigawatts –o que representa quase metade da hidrelétrica de Itaipu.

Tanto o comércio como casas estão optando pela instalação de placas de captação de energia solar para reduzir a conta de luz. Um exemplo: o Cadeg, mercado municipal do Rio de Janeiro, instalou 5.000 placas fotovoltaicas no telhado em 2018, o que permitiu poupar R$ 900 mil na conta de luz.

Por mais que 2020 tenha sido um ano bom para a indústria, vale dizer que foi só a cereja de um bolo que vem crescendo há 10 anos. Isso porque o preço dos equipamentos caiu quase 90% por causa de facilidades dadas pelos governos, deixando essa tecnologia cada vez mais acessível aos consumidores em geral.

A incidência de raios solares no território brasileiro também favorece a produção. Enquanto a Europa conta com uma capacidade limitada a 10% de produção, aqui no Brasil esse número triplica graças à posição geográfica do país. Isso sem contar facilidade econômicas: há 70 linhas de crédito (públicas e privadas) para quem quer investir nesse tipo de energia.

Perspectiva de crescimento em 2021

Embora tanto especialistas como a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) estejam evitando projeções para 2021, a expectativa é de que o sol há de brilhar mais uma vez neste ano.

Em outubro de 2020, a Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) divulgou um comunicado dizendo que muitos países pretendem diminuir a emissão de carbono na próxima década e, por ser uma fonte de energia renovável (ou seja, que é naturalmente abastecida), a geração solar deve se firmar como a “rainha da eletricidade” graças ao crescimento global de 12% ao ano. Aqui no Brasil, a tendência é acompanhar esse crescimento.

Está tramitando em carácter de urgência na Câmara dos Deputados o projeto de lei 5829/19, que beneficia consumidores que geram a própria energia elétrica, sobretudo a partir de fontes renováveis (solar, eólica, biomassa), e injetam o excedente na rede de distribuição local.

Além disso, as casas do programa federal Casa Verde e Amarela (antigo Minha Casa, Minha Vida) também devem contar com o sistema de energia solar.

CNN Brasil - @plantaocaico 


Covid-19: vacina russa Sputnik V começou a ser produzida no Distrito Federal


crédito: NATALIA KOLESNIKOVA / AFP


A produção industrial da vacina russa contra a covid-19, a Sputnik V, teve início nesta sexta-feira (15/1) no Distrito Federal. A informação foi confirmada pela farmacêutica União Química, responsável pelo imunizante na América Latina.

Apesar da produção local, inicialmente, as doses serão exportadas para países que já registraram o imunizante, como Argentina e Bolívia. Para a distribuição e uso em território nacional, é necessário que a empresa tenha autorização da Anvisa, que recebeu o pedido de realização de testes em 29 de dezembro.

Além da russa, no DF, a Universidade de Brasília (UnB) foi responsável pelos testes da vacina chinesa Coronavac.

Antes de pedir o uso emergencial da vacina no Brasil, primeiramente é necessária a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para início do estudo clínico. Autoridades russas anunciaram que entrariam, nesta semana, com solicitação para aplicação da Sputnik V no país, mas, até o momento, a Anvisa não liberou a etapa anterior.

“Assim que tivermos a autorização da fase 3, entraremos com pedido emergencial. Negociamos com RDIF (sigla em inglês para Fundo Russo de Investimento Direto) 10 milhões de doses da Sputnik V para o Brasil no primeiro trimestre deste ano”, disse Rogério Rosso.

Metrópoles - BG 

Governo Federal ameaça romper contrato se Butantan não entregar todas as vacinas

O ministério da saúde encaminhou um novo ofício nesta sexta-feira (15/1) ao Instituto Butantan no qual exige todas as 6 milhões de doses da Coronavac disponíveis na instituição para aplicação imediata. A pasta alega que a não entrega do estoque total fere uma cláusula do acordo e pode levar ao rompimento do contrato. Mais cedo, o governo federal havia feito o pedido de entrega imediata das doses, e o instituto respondeu que entregaria, mas que queria saber qual o plano do ministério e quantas doses ficariam em São Paulo. 

🔵 @plantaocaico 🔵