terça-feira, 9 de março de 2021


Boletim epidemiológico 09/03/21 : Caicó registra 24 novos casos de Covid-19 e 41 recuperados


A Secretaria Municipal de Saúde vem por meio desta divulgar o registro de 24 novos casos de COVID-19 no município.

Os casos residem: 

02- Boa Passagem; 
01- Barra Nova; 
04- Centro; 
01- Castelo Branco; 
02- Darcy Fonseca; 
01- Itans; 
02-João XXIII; 
01- Nova Descoberta; 
02- Penedo; 
02- Recreio; 
02- Samanaú; 
03- Soledade; 
01- Vila Altiva. 

Informamos a recuperação de 41 pessoas.

@plantaocaico 

Caicó chega a 100 mortes por Covid-19

Com mais uma morte por Covid-19 confirmada nesta terça-feira (09). O município de Caicó chega a 100 óbitos pela doença. A vitima é um mototaxista indentificado por, Francisco Dantas Júnior de 48, residente no Bairro João XXIII. O mesmo estava internado na UTI do Hospital Regional do Seridó e faleceu na tarde desta terça-feira (09).

✔@plantaocaico 

Veículo roubado é recuperado pela PRF em Caicó

🚔 Após 8 quilômetros de acompanhamento tático um veículo gol com placas de Campina Grande, foi alcançado pelos Agentes da PRF na madrugada desta terça-feira (09), no Bairro Barra Nova, zona oeste de Caicó.

De acordo com informações, o veículo era ocupado por dois indivíduos que conseguiram fugir.

✔@plantaocaico 

“Pouco importa se em 2022 haverá Lula”, afirma Eduardo Bolsonaro


Eduardo Bolsonaro 8 600x400 1 “Pouco importa se em 2022 haverá Lula”, afirma Eduardo Bolsonaro

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) afirmou, nesta terça-feira (9), que “pouco importa se haverá Lula” nas eleições presidenciais de 2022.

A declaração foi feita um dia depois que o ex-presidente se tornou elegível, após o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspender as condenações contra Lula (PT) no âmbito da Operação Lava Jato.

O magistrado considerou que a 13ª Vara Federal de Curitiba não tinha competência para julgar o petista. Com isso, Lula retomou seus direitos políticos, segundo a Lei da Ficha Limpa, e tornou-se elegível novamente.

Em publicação em uma rede social, o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que não há como “desver os escândalos” de Lula durante o período em que o petista foi chefe do executivo.

“Não há como ‘desver’ os escândalos de corrupção durante os tempos de Lula na presidência. Limpar sua ficha só aumentará o sentimento de insatisfação da população”, disse o deputado federal.

Eduardo também disse que “pouco importa” se Lula se candidatará em 2022. Ele defendeu, mais uma vez, a impressão do voto. “O foco da democracia tem que estar no voto impresso e auditável”, concluiu.

#Metrópoles - @plantaocaico 


Câmara aprova texto-base de MP que amplia margem de empréstimo consignado


O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta segunda-feira (8/3), o texto-base da Medida Provisória 1006/20, que aumenta a margem de crédito consignado dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além de militares e servidores públicos durante a pandemia de Covid-19.

Agora, os deputados analisam os destaques. A medida, que perde a vigência nesta quinta-feira (11/3), ainda seguirá para o Senado Federal.

A medida amplia a margem de empréstimo consignado dos segurados de 35% do valor do benefício para 40%, dos quais 5% devem ser destinados para saque ou pagamento da fatura do cartão de crédito. O novo limite vale para empréstimos concedidos até o dia 31 de dezembro de 2022.

O relator, deputado Capitão Alberto Neto (Republicanos-AM), acrescentou nesta segunda a concessão de carência, por até 120 dias, para novas operações de crédito consignado, assim como para as que tenham sido firmadas antes da lei entrar em vigor.

O relatório propõe que a contratação de novo empréstimo deve informar os valores remanescentes dos rendimentos líquidos mensais; se o valor restante será suficiente para suportar o pagamento de todas as despesas essenciais do tomador de crédito e dos seus dependentes; além do custo efetivo total e o prazo para quitação integral das obrigações assumidas.

Oferta de crédito

Segundo o relator, nos quatro meses de vigência, a medida gerou em torno de R$ 20 milhões no mercado. Com a medida, o governo espera aumentar a oferta de crédito na economia, beneficiando o consumo de final de ano.

A medida começou a ser analisado na última quarta-feira (3/3), mas, por falta de acordo, a votação foi adiada para a quinta-feira (4/3) e, posteriormente, para esta segunda

Metrópoles - @plantaocaico 


Brasil registra 987 óbitos e 32 mil casos de COVID-19 nas últimas 24h


O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta segunda-feira (8):

O país registrou 987 óbitos nas últimas 24h, totalizando 266.398 mortes;

Foram 32.321 novos casos de coronavírus registrados, no total 11.051.665 pessoas já foram infectadas.

O número total de recuperados do coronavírus é 9.782.320, com o registro de mais 25.142 pacientes curados. Outros 1.002.947 pacientes estão em acompanhamento.

@plantaocaico