Engarrafamentos de navios gerados por lockdown na China afetam distribuição de produtos pelo mundo

maio 09, 2022


🚢 Dos 9 mil navios porta-contêineres em operação atualmente, cerca de 1.800 estão fora de ação, retidos em engarrafamentos portuários espalhados pelo globo. Para esse fenômeno contribuem desde os resquícios da pandemia até os recentes embargos provocados pela invasão da Ucrânia pela Rússia. No entanto, a situação piorou — e muito — desde março, quando o lockdown determinado pelo governo chinês interditou megalópoles como Xangai, dona do maior porto do mundo. Ali, são movimentados 43 milhões de contêineres por ano. Com todas as atividades de embarque e desembarque drasticamente reduzidas, o prazo de liberação de contêineres nos portos do país passou de três para vinte dias. O resultado foram colossais filas de navios à espera de autorização para atracar. 

🛑 Veja
🛑 @plantaocaico 

Leia Também...

0 Comments